Geral

FGV: preços de pescados sobem acima da inflação

Na semana da Páscoa, os preços dos pescados frescos estão acima da inflação média do varejo. Levantamento da Fundação Getúlio Vargas (FGV) feito a partir de uma lista de 11 tipos de peixe mais consumidos pela população mostrou que, na terceira quadrissemana de março, os preços dos pescados subiram, em média, 2,77% – sendo que […]

Arquivo Publicado em 31/03/2010, às 20h05

None

Na semana da Páscoa, os preços dos pescados frescos estão acima da inflação média do varejo. Levantamento da Fundação Getúlio Vargas (FGV) feito a partir de uma lista de 11 tipos de peixe mais consumidos pela população mostrou que, na terceira quadrissemana de março, os preços dos pescados subiram, em média, 2,77% – sendo que a inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor (IPC) avançou 0,87% no mesmo período.

Em comunicado, a FGV informou que os preços dos diversos tipos de pescado que integram a lista de produtos monitorados pela pesquisa diária do IPC da fundação evoluíram durante a quaresma, e chegaram em alta à Páscoa. Após o carnaval, o consumidor começou a verificar aumentos nos preços de alguns itens, segundo a instituição.

De acordo com a pesquisa da fundação, um dos destaques de aumentos de preços foi a pescadinha, com alta de 25,16% na terceira quadrissemana de março, seguida por surubim/pintado (8,76%); merluza (8,49%) e corvina (4,61%). Já os peixes que subiram menos de preço, no período, foram salmão (1,31%); dourada (2,20%); e arraia (2,26%).

Jornal Midiamax