Geral

Família vive momentos de terror na mão de assaltantes em Campo Grande

O comerciante informal R.C.C, 40 anos, sua esposa (que seria vendedora de jóias) e um filho do casal viveram momentos de terror, na madrugada de segunda-feira, 20, no bairro Aero Rancho em Campo Grande. Dois homens armados invadiram a casa deles, humilharam as vítimas e fizeram um “limpa”. As vítimas foram abordadas quando chegavam de […]

Arquivo Publicado em 21/12/2010, às 12h22

None

O comerciante informal R.C.C, 40 anos, sua esposa (que seria vendedora de jóias) e um filho do casal viveram momentos de terror, na madrugada de segunda-feira, 20, no bairro Aero Rancho em Campo Grande. Dois homens armados invadiram a casa deles, humilharam as vítimas e fizeram um “limpa”.

As vítimas foram abordadas quando chegavam de uma festa no carro da família, um Astra. Depois de entrar, pais e filho se dirigiram para os fundos da casa e quando se prepravam para entrar na residência, dois homens pularam o muro e anunciaram o assalto.

R.C.C. foi amarrado no quintal da casa e a todo momento ficou sob a mira de uma arma. O bandido também bateu em sua cabeça e rosto por várias vezes, enquanto sofria ameaças. Os assaltantes acreditavam que o homem era policial.

Enquanto o marido era mantido no quintal, a esposa foi obrigada a andar com o outro assaltante pelos cômodos da casa e apontar onde estavam objetos de valor e dinheiro. Sob mira de uma arma, ela foi arrastada pelos cabelos por várias vezes.

Os dois homens roubaram um televisor de 42 polegadas, celulares, máquina fotográfica, R$ 5,200 em espécie e ainda R$ 7mil em cheques de clientes.

Depois de fazer um “limpa” na casa, os dois assaltante fugiram no carro da família. O automóvel foi encontrado abandonado por volta do meio dia da segunda-feira, perto do lixão, que fica na região sul de Campo Grande, nas proximidades dos bairros Dom Antônio Barbosa e Jardim Colorado. A perícia técnica fez a coleta de digitais no veículo.

Jornal Midiamax