Geral

Ex-craques do Mengão elogiam qualidade do Arthur Marinho

Depois da goleada sobre o Corumbaense por 8 a 0, os veteranos do Flamaster participaram de uma animada feijoada no Hotel Nacional. Atenciosos e solícitos, os craques atenderam todos os torcedores com fotos, autógrafos e até abraços. O maestro da festa foi o meia Júnior, um dos maiores ídolos do clube. Ao lado do prefeito […]

Arquivo Publicado em 22/09/2010, às 15h49

None

Depois da goleada sobre o Corumbaense por 8 a 0, os veteranos do Flamaster participaram de uma animada feijoada no Hotel Nacional. Atenciosos e solícitos, os craques atenderam todos os torcedores com fotos, autógrafos e até abraços. O maestro da festa foi o meia Júnior, um dos maiores ídolos do clube. Ao lado do prefeito Ruiter Cunha de Oliveira (PT), ele agradeceu a presença da torcida, a receptividade e o carinho que recebeu em Corumbá. Ele e o zagueiro Júnior Baiano tiveram que deixar a festa mais cedo porque tinham outros compromissos agendados fora do Estado. Ambos deixaram a cidade em um avião fretado pela organização do amistoso. Todos os outros ex-jogadores ficaram durante todo o Feijão do Mengão.


Um dos mais assediados foi Adílio. Entre autógrafos, apertos de mão e muitos elogios, ele falou ao Diário sobre a emoção de voltar à Cidade Branca. “Vim aqui quando era amador. Lembro que enfrentamos uma estrada de terra e tivemos que descer do ônibus e pegar uma balsa para atravessar um rio. Mais do que nunca temos que entender que Corumbá faz muito pelo nosso país, pelas suas belezas, sua história e seu passado. A população cresceu muito”, avaliou.


De acordo com o craque, ele encontrou aqui uma grande cidade, com gente inteligente e hospitaleira. “E estas pessoas levam o nome de Corumbá com elas onde estiverem. Sempre encontramos gente no Rio de Janeiro que nos cumprimentam e fazem questão de dizer que são do Mato Grosso do Sul”, continuou. Aos 54 anos de idade, ele jogou quase toda a partida amistosa, mesmo debaixo de sol forte e baixa umidade relativa do ar. “Eu me cuido bastante. Estamos sempre jogando, correndo na praia, mantendo uma alimentação balanceada. Não é todo dia que comemos uma feijoada como essa”, disse brincando.


Muito procurado pelos jovens, ele explicou que isso é reflexo de uma carreira bem sucedida. “Os pais contam para os filhos sobre aquele time campeão do mundo. E também a criançada de hoje é muito bem informada. Na internet, eles descobrem de tudo. Hoje dá para encontrar o Adílio, o Zico e Júnior até no Playstation”. Em relação ao estádio, Adílio também foi só elogios. “Muito bom, principalmente o campo e a qualidade do gramado. Um estádio de primeira”.


Outro que elogiou muito o Arthur Marinho foi o meia Djair. “Um estádio excelente. O campo é um dos melhores que já jogamos com o Flamaster. O vestiário é bacana e o gramado perfeito”, definiu. Sobre o carinho dos fãs, o ex-jogador também não poupou agradecimentos. “Isso nem se fala. Não tem como ser indiferente. Trataram a gente com muito carinho, respeito e, principalmente, muita educação. Se querem uma foto ou um autógrafo, é tudo na base do por favor, com licença. Isso é muito bacana. Por isso quero aproveitar e agradecer o povo corumbaense”, afirmou.


Quem também cativou o público foi o “Deus da Raça”, Rondinelli. “Foi um clima de muita amizade. Este é um Estado acolhedor, de pessoas que sabem receber bem os outros, principalmente se tratando do Flamengo”, comentou ao Diário. O ex-zagueiro ainda disse que o estádio tem qualidade para receber qualquer tipo de evento esportivo.


“É muito bom, comporta bom público, muito bem estruturado e a qualidade do campo é excelente”, resumiu. Antes de encerrar a entrevista, Rondinelli, que esteve na região pescando há uns 4 anos, fez questão de deixar uma mensagem para os moradores de Corumbá. “Quero agradecer ao povo corumbaense pela recepção que tivemos e, neste dia (ontem) que a cidade faz aniversário, deixar a todos as mais sinceras saudações rubro-negras”. Fonte: Diário Corumbaense (www.diarionline.com.br). Fonte: Diarionline / Diário Corumbaense

Jornal Midiamax