Geral

Em fuga, bandidos fazem mulher de empresário refém

A mulher de um empresário trêslagoense foi feita refém na manhã desta terça-feira (19) durante a fuga de assaltantes. Por volta das 6h20 de hoje, o dono de uma escola de informática e idiomas estava saindo de sua residência localizada à Rua Abrão Matar no bairro Santa Luzia para trabalhar quando foi rendido por homens […]

Arquivo Publicado em 19/10/2010, às 14h50

None

A mulher de um empresário trêslagoense foi feita refém na manhã desta terça-feira (19) durante a fuga de assaltantes. Por volta das 6h20 de hoje, o dono de uma escola de informática e idiomas estava saindo de sua residência localizada à Rua Abrão Matar no bairro Santa Luzia para trabalhar quando foi rendido por homens armados.


Os bandidos obrigaram o empresário a retornar para o interior do imóvel onde estava sua esposa e seu filho de 13 anos. As vítimas foram amarradas e mantidas sob a mira de uma arma de fogo enquanto os assaltantes reviravam a casa a procura de dinheiro e objetos de valores.


 Os criminosos após separarem o que seria levado da residência, foram até o VW/Gol de cor branca da família onde colocaram todos os objetos. A esposa do empresário foi ameaçada e obrigada a seguir com os bandidos dirigindo o veículo do marido para não levantar suspeitas.


Após conduzir o veículo até a Rua Protázio Garcia Leal, os assaltantes exigiram que a vítima saísse do carro e fosse embora sem olhar para trás. Os bandidos também abandonaram o Gol com os produtos roubados, e fugiram no sentido ao bairro Ipacaraí.


 O Serviço Reservado da Polícia Militar, a Rondas Ostensivas e Táticas do Interior (Rotai), e funcionário de uma empresa de segurança estiveram na casa do empresário para colher informações sobre o crime.


Durante diligências, a polícia recebeu a informação de que três suspeitos do assalto estariam escondidos em uma casa na Rua Clarinda Garcia de Faria. O trio foi localizado e encaminhado a 1ª Delegacia de Polícia Civil do Município para averiguações.


A polícia informou que os rapazes já possuem antecedentes criminais, inclusive pela prática de roubo. Na casa, os militares localizaram munições de arma de fogo de uso restrito e dois pares de tênis.


Informações não oficiais dão conta de que dois dos suspeitos foram reconhecidos pelas vítimas como autores do roubo.

Jornal Midiamax