Geral

Em Fortaleza, Rogério Ceni realiza sonho de torcedor especial

Quando tinha apenas um ano de idade, Carlos Roney precisou amputar as duas pernas na altura dos joelhos por conta de uma meningite. Hoje, aos 13, ele treina para ser goleiro, mesmo com todas as dificuldades que a vida traz. E neste domingo realizou um grande sonho: entrou no gramado do Castelão, na cidade de […]

Arquivo Publicado em 25/10/2010, às 00h15

None

Quando tinha apenas um ano de idade, Carlos Roney precisou amputar as duas pernas na altura dos joelhos por conta de uma meningite. Hoje, aos 13, ele treina para ser goleiro, mesmo com todas as dificuldades que a vida traz. E neste domingo realizou um grande sonho: entrou no gramado do Castelão, na cidade de Fortaleza, na “garupa” de Rogério Ceni, seu maior ídolo. O jovem são-paulino foi levado pelo capitão até o gol, e defendeu uma cobrança do ídolo. Depois, acompanhou o duelo entre Ceará e São Paulo, válido pelo Brasileirão.

“ É muito importante ver que, mesmo com todos os problemas, ele não desistiu dos seus sonhos. Foi maravilhoso conhecer o Carlos”, ressaltou Ceni, durante o encontro.

Antes da partida, Carlos conheceu todo o elenco e recebeu o carinho dos jogadores, em especial de Ceni. O São Paulo vai tentar dar mais um presente especial para o menino: através de Ceni, o objetivo é viabilizar a ida do garoto até a capital paulista para a colocação de próteses nas pernas.

Jornal Midiamax