Geral

Eleições 2010: Eleitores brasileiros vão às urnas em 15 países africanos

Eleitores brasileiros já estão votando nos 15 países africanos onde há urnas montadas neste segundo turno. São eles: África do Sul, Angola, Argélia, Cabo Verde, Congo, República Democrática do Congo, Costa do Marfim, Egito, Gabão, Guiné Bissau, Quênia, Marrocos, Moçambique, Nigéria e Senegal. O maior colégio eleitoral africano é Pretória, na África do Sul, com […]

Arquivo Publicado em 31/10/2010, às 11h16

None

Eleitores brasileiros já estão votando nos 15 países africanos onde há urnas montadas neste segundo turno. São eles: África do Sul, Angola, Argélia, Cabo Verde, Congo, República Democrática do Congo, Costa do Marfim, Egito, Gabão, Guiné Bissau, Quênia, Marrocos, Moçambique, Nigéria e Senegal.

O maior colégio eleitoral africano é Pretória, na África do Sul, com 476 inscritos em duas seções. O país tem outra mesa de votação instalada na Cidade do Cabo. Em seguida vem Maputo, em Moçambique, com 463.


Moçambique concentra todos os seus eleitores na capital do país. Por volta das 11h (7h da manhã em Brasília), cerca de 40 já haviam votado. Na fila no local de votação não havia mais de cinco pessoas. “É importante participar, mesmo vivendo longe”, afirmou Pedro Cardoso, do Distrito Federal, logo depois de votar.


A presidente da mesa, Irene de Souza, espera para hoje mais movimento do que no primeiro turno. “O primeiro turno foi casado com um feriado local, dia 4 de outubro [Dia da Paz, que lembra o acordo que pôs fim à guerra civil no país]”. “O eleitor sente mais o peso de seu voto no segundo turno”, acredita. No primeiro turno, 251 dos 463 brasileiros aptos a votar em Maputo não compareceram às urnas.


Os brasileiros também receberam avisos sobre a eleição para integrantes do Conselho de Representantes Brasileiros no Exterior (CRBE), que começa segunda-feira (1°) e vai até o dia 9 de novembro. Qualquer brasileiro com mais de 16 anos vivendo no exterior poderá participar.

Jornal Midiamax