Geral

Eleições 2010: Deputado acusa Nelsinho por derrota de Dilma em MS

O deputado federal pedetista Dagoberto Nogueira, acusou o prefeito Nelson Trad Filho de não fazer campanha para Dilma Rousseff (PT) em Campo Grande. Ele que está em Brasília participando da festa da eleição da presidente. Segundo ele, os números de Dilma que perdeu para o tucano José Serra em Mato Grosso do Sul, onde Serra […]

Arquivo Publicado em 31/10/2010, às 23h15

None

O deputado federal pedetista Dagoberto Nogueira, acusou o prefeito Nelson Trad Filho de não fazer campanha para Dilma Rousseff (PT) em Campo Grande. Ele que está em Brasília participando da festa da eleição da presidente.

Segundo ele, os números de Dilma que perdeu para o tucano José Serra em Mato Grosso do Sul, onde Serra teve 55,13% dos votos contra 44,87% das intenções para a presidente eleita, poderiam ser melhores.

“Ela perdeu especialmente em Campo Grande, o que mostra que Nelsinho não fez a campanha que prometeu fazer. Ele inclusive viajou a campanha inteira e ninguém o viu pedindo votos para Dilma”, acusou Dagoberto.

Para o deputado pedetista, Nelsinho foi “ingrato”. “O fato dele não fazer campanha foi um gesto de ingratidão, pois Lula e Dilma o ajudaram muito ai na Capital, e ele foi ingrato. Recebeu muitos recursos do PAC e não deu a mesma resposta”, afirmou.

Outro lado

O prefeito Nelsinho Trad foi procurado pela reportagem, porém os telefones celulares estavam desligados.

Jornal Midiamax