Geral

ELEIÇÕES 2010: Como se aposentar com dignidade? Previdência em pauta do debate

Serra fala de “iniciativas dos estados e participação” federal no aumento da formalidade no emprego no Brasil. O tucano destaca a lei que diminui o valor pago para a previdência quando se é trabalhador informal. Serra volta a alfinetar: “o governo investe pouco, quem garante investe são os governos estaduais”.Dilma explica a lei aprovada em […]

Arquivo Publicado em 30/10/2010, às 01h51

None

Serra fala de “iniciativas dos estados e participação” federal no aumento da formalidade no emprego no Brasil. O tucano destaca a lei que diminui o valor pago para a previdência quando se é trabalhador informal.


Serra volta a alfinetar: “o governo investe pouco, quem garante investe são os governos estaduais”.
Dilma explica a lei aprovada em seu governo que permite se tornar um contribuinte da previdência pagando em média R$ 50. A candidata ressalta que incentiva a formalidade, e volta a enaltecer os 15 milhões de empregos criados desde 2003, segundo ela, três vezes mais que o governo anterior (tucano).


A petista ainda afirma que o crescimento do crédito proporcionado pelo atual governo ampliou a adesão à formalidade e a previdência.


Na tréplica, Serra fala que “esta lei tem que ser tirada do papel”. O tucano ainda propõe o “Banco do Povo”, com juros baixos e possibilidade de crédito.

Jornal Midiamax