Geral

Distribuição histórica de semanários na Capital pode acabar

O projeto de revitalização do centro de Campo Grande, encaminhado a Câmara Municipal, ontem, pode acabar com o ponto de distribuição de jornais semanários, que há três décadas acontece no canteiro central da Avenida Afonso Pena, entre as Ruas 14 de Julho e 13 de Maio. Aproximadamente dez semanários são distribuídos gratuitamente todos os domingos […]

Arquivo Publicado em 14/07/2010, às 14h58

None

O projeto de revitalização do centro de Campo Grande, encaminhado a Câmara Municipal, ontem, pode acabar com o ponto de distribuição de jornais semanários, que há três décadas acontece no canteiro central da Avenida Afonso Pena, entre as Ruas 14 de Julho e 13 de Maio. Aproximadamente dez semanários são distribuídos gratuitamente todos os domingos de manhã.


O semanário A Crítica, por exemplo, é entregue há trinta anos no canteiro da Avenida Afonso Pena. O diretor, Luiz Carlos Feitosa criticou hoje o ponto do projeto que acaba com esta tradição. Ele acompanhou hoje a sessão ordinária da Câmara da Capital. ‘sugiro que os vereadores façam uma emenda para modificar este trecho do projeto. Isto é cerceamento da liberdade de imprensa”, diz.


Luiz Feitosa defende que em todo o tempo que seu semanário é distribuído na Avenida Afonso Pena nunca houve um incidente no trânsito por conta de pessoas que ficam na fila esperando por um de seus exemplares.

Jornal Midiamax