Geral

Alencar deixa UTI e vai para unidade semi-intensiva

A assessoria do Hospital Sírio-Libanês, em Sao Paulo, informou por meio de nota divulgada na tarde deste sábado (11) que o vice-presidente da República, José Alencar, foi transferido dfa Unidade Terapia Intensiva Cardiológica, onde se encontrava desde esta sexta (10), para a Unidade de Terapia Semi-intensiva Cardiológica. Ele foi internado na UTI com quadro de […]

Arquivo Publicado em 11/09/2010, às 18h58

None

A assessoria do Hospital Sírio-Libanês, em Sao Paulo, informou por meio de nota divulgada na tarde deste sábado (11) que o vice-presidente da República, José Alencar, foi transferido dfa Unidade Terapia Intensiva Cardiológica, onde se encontrava desde esta sexta (10), para a Unidade de Terapia Semi-intensiva Cardiológica.


Ele foi internado na UTI com quadro de edema agudo de pulmão, que seria resultante do acúmulo de líquidos no órgão.


Segundo a nota deste sábado, “o paciente encontra-se bem disposto e vem respondendo bem ao tratamento”. De acordo com o hospital, ele foi transferido para a unidade semi-intensiva  “para continuação do tratamento”.


De acordo com informação da assessoria do hospital, na unidade semi-intensiva, o monitoramento do paciente é menos frequente que na unidade intensiva. Além disso, a visitação não é tão restrita quanto na UTI.


Alencar foi internado no final da manhã da sexta-feira com dificuldades respiratórias, informou a assessoria do vice-presidente. De acordo com assessoria, o problema pode ter sido uma reação à quimioterapia a que o vice-presidente se submete para combater um câncer.


Alencar tem câncer na região do abdômen e já passou por mais de 15 cirurgias. Em julho, por causa de uma crise de hipertensão, ele ficou hospitalizado e passou por um cateterismo.


No início de setembro, o vice-presidente já havia sido internado, com um quadro infeccioso, que foi tratado com antibióticos.

Jornal Midiamax