Geral

Ageprev corta 823 aposentadorias por falta do recadastro

A agência de Previdência Social de Mato Grosso do Sul (Ageprev) publicou no dia 24 de março, no Diário Oficial, a relação dos segurados que terão o pagamento dos proventos suspensos, a contar de abril de 2010, por não terem comparecido às agências do Banco do Brasil para atualização cadastral conforme convocação efetuada através dos […]

Arquivo Publicado em 28/03/2010, às 17h07

None

A agência de Previdência Social de Mato Grosso do Sul (Ageprev) publicou no dia 24 de março, no Diário Oficial, a relação dos segurados que terão o pagamento dos proventos suspensos, a contar de abril de 2010, por não terem comparecido às agências do Banco do Brasil para atualização cadastral conforme convocação efetuada através dos editais publicados no Diário Oficial 7.502, de 17 de julho de 2009 e 7.574, de 3 de novembro de 2009.

A lista consta de 823 nomes. O prazo para o repasse das informações terminou em novembro de 2009. Para evitar novas suspensões, os beneficiados devem comparecer nas agências do Banco do Brasil para atualizar o cadastro e continuar a receber os benefícios.

O recadastramento é feito para que sejam reorganizadas as informações sobre os servidores beneficiados e para fazer o cálculo atuarial dos recursos repassados em benefício.

A atualização pode ser realizada até o fim deste mês e está destinada a todos os beneficiários que ainda não fizeram o recadastramento. Para realizar a atualização é imprescindível a apresentação dos seguintes documentos originais: Cédula de Identidade; CPF; Carteira de Trabalho (CTPS), NBOU NIT (INSS), cadastramento no PIS/Pasep, Título de Eleitor e comprovante de residência.

É necessário, ainda, que os aposentados e pensionistas efetuem a pré-atualização via telefone através da central de atendimento do Banco do Brasil: 4004-0001. Outra opção é via internet: no site da Secretaria de Estado de Administração (SAD) está disponível um link, http://www.sad.ms.gov.br/, de acesso ao Banco do Brasil.

Aqueles que já tiveram o pagamento suspenso ainda podem efetuar o recadastramento para voltar a receber o benefício da Ageprev.

Ageprev

Operando desde setembro de 2008, a Ageprev substitui o Instituto de Previdência Social de Mato Grosso do Sul (MSPrev). A agência foi criada para atender a uma exigência da Constituição Federal e do Ministério de Previdência Social que previa a existência de uma unidade gestora única para administrar a concessão dos benefícios para os servidores estaduais.

Antes, a tarefa era realizada de forma autônoma pelos recursos humanos de cada secretaria. Cada unidade retinha a contribuição e pagava o benefício. O recadastramento faz parte da reformulação da agência. A ação deve atingir cerca de 18 mil servidores inativos.

Jornal Midiamax