Geral

SENADO: Lula pede ao povo que não troque Delcídio por Pedrossian

Candidato do PT à presidência diz que a história de MS está dividida entre antes e depois do governo Zeca

Arquivo Publicado em 01/01/2000, às 12h00

None

Candidato do PT à presidência diz que a história de MS está dividida entre antes e depois do governo Zeca

Durante seu discurso no Showmício realizado na noite de ontem em Campo Grande, que reuniu, segundo estimativas da PM, cerca de 30 mil pessoas, o candidato à presidência da República pelo Partido dos Trabalhadores, Luis Inácio Lula da Silva, pediu votos para o candidato petista ao senado, Delcídio do Amaral: “Peço seu voto para o senador. Eu não conheço todos os candidatos, mas tenho certeza que o povo inteligente de Mato Grosso do Sul não vai deixar de votar no Delcídio para votar no Pedrossian”, ironizou.

Lula disse também que a história de Mato Grosso do Sul, em função das conquistas obtidas durante a gestão de Zeca do PT, pode ser dividida em antes e depois do PT.

Segundo o petista, um dos motivos que vai propiciar a vitória de Zeca nas eleições é a sua “extraordinária experiência administrativa”, acumulada nos quatro anos de administração. Zeca retribuiu: “No dia sete de outubro podemos comemorar duas vitórias, a minha e a de Lula. Isso só depende de vocês” disse o candidato.

OBSESSÃO – O candidato à presidência pelo PT afirmou ter duas obsessões como presidente da república: gerar empregos para a mão de obra brasileira e garantir educação do ensino básico à universidade: “Vou fazer da geração de empregos uma profissão de fé, só assim o Brasil deixará de ser pedinte do FMI”, completou.

Jornal Midiamax