Geral

PFL libera Estados para coligações

O presidente nacional do PFL, Jorge Bornhausen, declarou que provavelmente o partido vai liberar os diretórios estaduais para que as coligações sejam feitas dependendo de cada Estado. Dos 26 presidentes estaduais ouvidos, somente Goiás defendeu uma coligação formal ou lançamento de um candidato próprio à Presidência da República. Ciro Gomes (PPS) pode receber o apoio […]

Arquivo Publicado em 01/01/2000, às 12h00

None

O presidente nacional do PFL, Jorge Bornhausen, declarou que provavelmente o partido vai liberar os diretórios estaduais para que as coligações sejam feitas dependendo de cada Estado. Dos 26 presidentes estaduais ouvidos, somente Goiás defendeu uma coligação formal ou lançamento de um candidato próprio à Presidência da República. Ciro Gomes (PPS) pode receber o apoio pefelista em 16 Estados, enquanto José Serra (PSDB) somente em 11. Bornhausen acredita que Ciro Gomes tem condições de disputar o segundo turno. No caso de Mato Grosso do Sul, o deputado estadual Murilo Zauith (PFL) é cotado para vice da candidata a governadora Marisa Serrano (PSDB).

Com informações da Agência Brasil

Jornal Midiamax