Geral

Novo presidente da Colômbia é eleito e quer acabar com guerrilha

O candidato de direita Álvaro Uribe, de 49 anos, venceu as eleições para presidente da Colômbia no primeiro turno e prometeu aumentar a pressão militar contra as guerrilhas. Uribe derrotou Horácio Serpa, candidato dos liberais, com 53% dos votos. No seu primeiro discurso, Uribe disse que só negociará com os rebeldes se eles entregarem suas […]

Arquivo Publicado em 01/01/2000, às 12h00

None

O candidato de direita Álvaro Uribe, de 49 anos, venceu as eleições para presidente da Colômbia no primeiro turno e prometeu aumentar a pressão militar contra as guerrilhas. Uribe derrotou Horácio Serpa, candidato dos liberais, com 53% dos votos. No seu primeiro discurso, Uribe disse que só negociará com os rebeldes se eles entregarem suas armas. O novo presidente prometeu buscar ajuda internacional para tentar encerrar a guerra civil que já dura 38 anos e envolve as guerrilhas de esquerda do Farc e ELN, paramilitares de direita e tropas do governo. Para Uribe, a prioridade em seu governo é restaurar a ordem e a civilidade, mas muitos grupos de defesa dos direitos humanos temem o fortalecimento dos paramilitares que combatem os guerrilheiros. As eleições foram vigiadas por mais de 200 mil soldados e policiais. A eleição foi considerada tranqüila, mas 11 pessoas morreram e cinco cidades não tiveram seus votos computados porque a guerrilha roubou o material eleitoral. Com informações da Folha.

Jornal Midiamax