Geral

Missa da menina morta em briga de trânsito vira ato pela paz

A missa de sétimo dia de Tainá Alves Mendonça, de cinco anos, morta domingo passado em uma briga de trânsito, reuniu aproximadamente 500 pessoas nesta manhã, na Igreja Nossa Senhora de Fátima, Zona Oeste de São Paulo. A cerimônia, que foi organizada pela equipe do programa “Mais Você”, da TV Globo, se transformou em um […]

Arquivo Publicado em 01/01/2000, às 12h00

None

A missa de sétimo dia de Tainá Alves Mendonça, de cinco anos, morta domingo passado em uma briga de trânsito, reuniu aproximadamente 500 pessoas nesta manhã, na Igreja Nossa Senhora de Fátima, Zona Oeste de São Paulo.

A cerimônia, que foi organizada pela equipe do programa “Mais Você”, da TV Globo, se transformou em um ato pela paz e contra a impunidade. A apresentadora do programa, Ana Maria Braga e seu marido, Carlos Madrulha, assistiram a cerimônia ao lado dos pais da menina assassinada.

Tainá morreu depois de ser atingida na cabeça por um dos tiros disparados por Rodrigo Farrampa Guilherme, de 22 anos, durante uma briga de trânsito. Ele está foragido e a polícia ainda não tem pistas de seu paradeiro.

Vários parentes de vítimas da violência foram prestar solidariedade à família de Tainá. Eles querem justiça e alegaram que as leis do Código Penal devem ser mais severas. Com informações da Agência Globo.

Jornal Midiamax