Geral

Investigações do caso Celso Daniel tem prazo de 60 dias

O promotor Rodrigo Dias, do Centro de Apoio Criminal do Ministério Público de São Paulo, disse ontem que as novas investigações sobre o assassinato do prefeito de Santo André, Celso Daniel, têm prazo de 30 dias, prorrogáveis por mais 30, para serem realizadas. Rodrigo Dias informou que o promotor Salmo Mohamari dos Santos, da comarca […]

Arquivo Publicado em 01/01/2000, às 12h00

None

O promotor Rodrigo Dias, do Centro de Apoio Criminal do Ministério Público de São Paulo, disse ontem que as novas investigações sobre o assassinato do prefeito de Santo André, Celso Daniel, têm prazo de 30 dias, prorrogáveis por mais 30, para serem realizadas.

Rodrigo Dias informou que o promotor Salmo Mohamari dos Santos, da comarca de Itapecerica da Serra, onde foi encontrado o corpo de Celso Daniel, já pediu a abertura de inquérito suplementar ao Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Rodrigo lembrou, também, que já há uma denúncia oferecida pelo Ministério Público e, caso surjam novos nomes implicados, serão agregados a ela.

Jornal Midiamax