Geral

Compra de Voto: Kohl lamenta uso da máquina pública

O candidato a governador pela Coligação Frente Trabalhista, Moacir Kohl (PDT), disse que “lamenta profundamente” o fato de o governador Zeca do PT continuar se valendo da máquina pública com o objetivo de angariar votos. A prisão do coordenador do Programa Segurança Alimentar ocorreu ontem em Anastácio, onde o professor Ronnei Paulino distribuía, junto com […]

Arquivo Publicado em 01/01/2000, às 12h00

None

O candidato a governador pela Coligação Frente Trabalhista, Moacir Kohl (PDT), disse que “lamenta profundamente” o fato de o governador Zeca do PT continuar se valendo da máquina pública com o objetivo de angariar votos.

A prisão do coordenador do Programa Segurança Alimentar ocorreu ontem em Anastácio, onde o professor Ronnei Paulino distribuía, junto com a cesta básica, material de propaganda política de Zeca do PT.

“O que nos deixa indignados é o fato de alguns integrantes do programa estar ameaçando as pessoas carentes, com o corte do benefício, se estas não votarem nos candidatos do governo”, criticou Moacir Kohl.

O candidato a governador pela Coligação Frente Trabalhista disse que “se outras prisões vierem a acontecer isso não nos causará nenhuma surpresa”. Para ele, o episódio demonstra que “o código de conduta lançado pelo governador não é coisa séria, pois não é apenas o Zeca vem desrespeitando-o, mas também seus auxiliares”.

Jornal Midiamax