Geral

Começa daqui a pouco Encontro de Educação Ambiental em CG

Começa daqui a pouco, às 8h30, no Parque das Nações Indígenas, o Encontro do Conselho Estadual Interinstitucional de Educação Ambiental. O objetivo do evento é que as instituições e empresas envolvidas no Conselho apresentem as ações desenvolvidas em Educação Ambiental em Mato Grosso do Sul. Às 10 horas, o Gerente da Pesquisa no Idaterra, Milton […]

Arquivo Publicado em 01/01/2000, às 12h00

None

Começa daqui a pouco, às 8h30, no Parque das Nações Indígenas, o Encontro do Conselho Estadual Interinstitucional de Educação Ambiental. O objetivo do evento é que as instituições e empresas envolvidas no Conselho apresentem as ações desenvolvidas em Educação Ambiental em Mato Grosso do Sul.

Às 10 horas, o Gerente da Pesquisa no Idaterra, Milton Padovan, vai expor o Programa Estadual de Agroecologia e as diretrizes agroecológicas que dão base para os projetos executados pelo Idaterra. A agroecologia incentiva os agricultores a buscarem formas alternativas de produção nos cultivos e na criação de animais, sem o uso de agrotóxicos, adubos químicos, maquinários e valorizando a tração animal.

O modelo agroecólogico aplica técnicas biológicas para manejo e conservação de solo, como adubação verde, aproveitamento dos resíduos animais (estercos), diversificação das atividades, rotações e consórcios de culturas, recuperação da biodiversidade, controle de desmatamentos e produção da própria semente. O biólogo Milton Padovan define tais medidas como “Educação Agro- ambiental”. Para ele, “esse modelo irá garantir a independência dos produtores das tecnologias caras, pouco acessíveis aos agricultores familiares”.

O Idaterra tem programado para este ano seis cursos sobre agroecologia, ministrados a agricultores familiares; seis sobre agroecologia para técnicos e extensionistas e um curso para preparação técnicos que atuarão como “Inspetores Locais” para Certificação de Produtos Orgânicos.

Jornal Midiamax