Geral

Começa agora na Assembléia a primeira reunião da CPI da Novoeste

Está começando agora a primeira reunião da CPI da Novoeste. A comissão deve apurar as razões que levaram à precariedade dos 1,6 mil Km da ferrovia entre Corumbá (MS) e Bauru (SP). Cerca de 700 mil dormentes da linha encontram-se em mau estado de conservação. Para a recuperação, é necessário um investimento de R$100 milhões. […]

Arquivo Publicado em 01/01/2000, às 12h00

None

Está começando agora a primeira reunião da CPI da Novoeste. A comissão deve apurar as razões que levaram à precariedade dos 1,6 mil Km da ferrovia entre Corumbá (MS) e Bauru (SP).

Cerca de 700 mil dormentes da linha encontram-se em mau estado de conservação. Para a recuperação, é necessário um investimento de R$100 milhões. Enquanto isso não acontece, acontecem 20 acidentes por mês na ferrovia.

Jornal Midiamax