Geral

Ciro vai usar seu próprio programa eleitoral para revidar ataques

Uma semana depois de ter sido alvo de ataques nos programas eleitorais do candidato José Serra (PSDB), o candidato da Frente Trabalhista, Ciro Gomes (PPS), decidiu responder aos ataques no programa que será veiculado amanhã. Ciro já gravou a resposta que vai ao ar no horário eleitoral, já que não conseguiu no Tribunal Superior Eleitoral […]

Arquivo Publicado em 01/01/2000, às 12h00

None

Uma semana depois de ter sido alvo de ataques nos programas eleitorais do candidato José Serra (PSDB), o candidato da Frente Trabalhista, Ciro Gomes (PPS), decidiu responder aos ataques no programa que será veiculado amanhã.

Ciro já gravou a resposta que vai ao ar no horário eleitoral, já que não conseguiu no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) o direito de resposta. Segundo assessores do candidato, Ciro não vai contra-atacar o rival. O objetivo é usar o programa eleitoral para dar explicações aos eleitores e militantes sobre as acusações feitas contra ele por Serra.

O tucano acusou Ciro de ter um temperamento desrespeitoso, pois chamou um eleitor de burro durante uma entrevista a uma rádio em Salvador.

A coordenação da campanha de Ciro constatou que esses ataques de Serra provocaram um abalo na candidatura da Frente Trabalhista, estratégia que começou a ser adotada pelo PSDB já no primeiro debate dos candidatos na televisão, promovido pela Rede Bandeirantes. Os assessores de Ciro consideram também que o noticiário dos jornais tem sido negativo para o candidato nas últimas semanas, o que teria afetado seu desempenho nas pesquisas.

Está decidido que Ciro não vai retrucar ou polemizar com Serra em entrevistas coletivas. A estratégia da Frente Trabalhista é usar o horário eleitoral e os comícios para fazer o embate com o tucano.

Jornal Midiamax