Geral

Aumenta a chance do senador Pedro Simon ser vice de Serra

Voto de pobreza feito pelo Senador Pedro Simom (PMDB) e rumores sobre um suposto dossiê envolvendo o marido da deputada Rita Camata (PMDB-ES), senador Gérson Camata (PMDB-ES), duas vezes governador do Espírito Santo, colcoram o senador gaúcho na frente na corrida para ser o vice na chapa do tucano José Serra à Presidência. As supostas […]

Arquivo Publicado em 01/01/2000, às 12h00

None

Voto de pobreza feito pelo Senador Pedro Simom (PMDB) e rumores sobre um suposto dossiê envolvendo o marido da deputada Rita Camata (PMDB-ES), senador Gérson Camata (PMDB-ES), duas vezes governador do Espírito Santo, colcoram o senador gaúcho na frente na corrida para ser o vice na chapa do tucano José Serra à Presidência.

As supostas denúncias que envolveriam Camata acabaram levando integrantes do PMDB e do PSDB a admitir, no início da noite de ontem, a tendência em favor de Simon, um integrante da Ordem de São Francisco que fez voto de pobreza. Os rumores deixaram inquietas as cúpulas do PSDB e do PMDB, que ainda assim mantiveram para hoje o anúncio do vice de Serra.

Depois de uma terça-feira de reuniões, o PMDB não conseguiu bater o martelo. O partido quer dividir a responsabilidade pela escolha com Serra, com quem se reuniu ontem à noite para discutir as duas opções.

Jornal Midiamax