Ypiranga vence Inter em jogo pela liderança do Gauchão e mantém tabu de 30 anos

O Ypiranga é o novo líder do Campeonato Gaúcho
| 05/02/2022
- 23:32
Imagem ilustrativa
Imagem ilustrativa - (Foto: Reprodução)

O Ypiranga é o novo líder do Campeonato Gaúcho. O time de Erechim venceu o confronto direto pela liderança contra o Internacional por 3 a 1, neste sábado, e assumiu o topo da tabela. O duelo, válido pela quarta rodada do Estadual, aumenta ainda mais o tabu do Internacional no estádio Colosso da Lagoa.

Com o resultado deste sábado, o Ypiranga manteve uma escrita que já dura 30 anos, tempo que o clube não perde para o Inter em Erechim. Agora são oito jogos de tabu, com cinco vitórias do Ypiranga e três empates. Esta é também a primeira vez no Estadual que o Ypiranga marca três gols no Inter na mesma partida.

Novo líder, o time do Ypiranga chega a nove pontos em 12 disputados, com três vitórias e uma derrota em quatro jogos. Já o Inter segue com os mesmos sete pontos do início da rodada, empatado em pontos com o Grêmio. Com os critérios de desempate, o time de Alexander Medina cai para a terceira posição.

As equipes entraram em campo com o melhor ataque (Ypiranga) e a melhor defesa (Inter) do Estadual, mas só o time da casa manteve o feito após o apito final. Com os três gols, o Ypiranga chega a oito no Gauchão.

Ypiranga e Inter protagonizaram um ótimo espetáculo no primeiro tempo. O time de Erechim ficou pedindo pênalti logo nos primeiros minutos e, pouco tempo depois, teve grande chance com a bola rolando. O goleiro Daniel, do Inter, fez duas boas defesas para manter o zero no placar. Aos 8 minutos, foi a vez do Inter pedir pênalti. Caio Vidal foi derrubado na área e a arbitragem marcou. Edenilson foi para a cobrança, mas bateu franco e o goleiro Edson conseguiu fazer a defesa.

O jogo continuou agitado. Aos 15, Boschilia tentou encobrir Edson e acertou o travessão do Ypiranga. O time da casa conseguiu criar mais uma grande chance aos 23 minutos e dessa vez conseguiu fazer 1 a 0. Rodrigo Carioca finalizou para grande defesa de Daniel, Lorran pegou o rebote na entrada da área e fez um golaço. A bola ainda pegou no travessão antes de entrar.

Sem conseguir se encaixar no setor de criação, o Inter seguiu em desvantagem até os acréscimos do primeiro tempo, enquanto o Ypiranga administrava o resultado. O empate veio no último lance da etapa inicial. Heitor foi lançado por Cuesta no fundo da grande área e cruzou para o meio, onde estava Bruno Méndez para completar de primeira para o fundo do gol, fazendo 1 a 1.

O Ypiranga teve um início de segundo tempo arrasador, com dois gols de Erick marcados em um intervalo de um minuto. Aos 6, o atacante recebeu passe em profundidade, aproveitando o grande espaço cedido pelo Inter. Erick bateu cruzado e marcou 2 a 1. Logo após a saída de bola, no lance seguinte, Cuesta errou e o Ypiranga recuperou. Erick recebeu na área, conseguiu se ajeitar e finalizou duas vezes para vencer Daniel e marcar 3 a 1.

Por muito pouco não saiu o quarto gol do Ypiranga e o terceiro de Erick. O atacante saiu em velocidade e o goleiro Daniel conseguiu fazer a defesa após a finalização. A torcida do Inter não escondeu o descontentamento com a atuação defensiva do elenco. Heitor, que atuou na lateral onde o time de Alexander Medida mais cometeu erros, saiu vaiado pela torcida do Inter e celebrado ironicamente pela torcida mandante.

Apesar das tentativas, a equipe visitante não conseguiu reagir para igualar o placar, missão que ficava mais difícil com o passar do tempo. O Inter chegou a marcar com David, mas o gol foi anulado. Já na reta final, Daniel fez mais uma boa defesa, impedindo uma derrota ainda pior para o Inter em Erechim.

Com a queda da invencibilidade, o time de Porto Alegre buscará a recuperação em casa na próxima quarta-feira, quando enfrenta o Novo Hamburgo no estádio Beira-Rio. O Ypiranga enfrenta o fora de casa na próxima rodada do estadual. As equipes entram em campo no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul, às 21h30 da próxima quinta-feira.

Veja também

O Coxa quebrou um jejum de seis jogos sem vitória

Últimas notícias