Botafogo vê Gatito brilhar em vitória sobre Vasco, que vai do topo para 4º lugar

O duelo foi realizado no Castelão por causa de um investidor que pagou R$ 500 mil
| 14/02/2022
- 02:30
Assessoria/Botafogo
Assessoria/Botafogo

No primeiro grande teste do no Campeonato Carioca, o vencedor foi o , que segurou o rival para triunfar por 1 a 0, na noite deste domingo, no estádio Castelão, em São Luis (MA), pela sexta rodada, com destaque para o goleiro Gatito Fernández, com defesas importantes que confirmaram os três pontos ao time.

O duelo foi realizado no Castelão por causa de um investidor que pagou R$ 500 mil para cada clube para levar o jogo até a capital maranhense. No entanto, apenas nove mil torcedores compareceram ao duelo. O mando foi do Vasco.

Com o resultado, o Botafogo chegou aos 13 pontos, se igualando ao Flamengo, segundo colocado. O Fluminense, na primeira posição, tem 15. O Vasco perdeu três posições e despencou para o quarto lugar, também com 13.

O Botafogo entrou no duelo recheado de desfalques, oito no total, por suspensão ou questões físicas. Isso sem contar a saída do técnico Enderson Moreira. O time foi comandado pelo ex-jogador Lucio Flávio. Do outro lado, o Vasco não pôde contar com o suspenso Weverton e Zé Ricardo escalou Léo Matos no lugar,

Em campo, o Vasco teve a posse de bola no primeiro tempo, mas viu um Botafogo organizado ser mais perigoso e criar as principais oportunidades de gol. O time da casa chegou com Matheus Barbosa e Raniel, mas foi Luiz Fernando que ficou mais perto de abrir o placar, em uma cabeçada.

O Botafogo aos poucos foi crescendo na partida e abriu o placar aos 33 minutos. Diego Gonçalves apareceu bem pela esquerda, puxou para o meia e arriscou. A bola chegou até o atacante Erison, que completou. A arbitragem chegou a marcar impedimento, mas com ajuda do VAR validou o lance.

Atrás do placar, o Vasco ainda tentou esboçar uma pressão para buscar o empate no primeiro tempo, mas o Botafogo se fechou e viu Joel Carli se destacar no sistema defensivo, não dando qualquer chance para o adversário.

No segundo tempo, o Vasco foi com tudo para cima do Botafogo. Zé Ricardo colocou o time no ataque, mas a bola insistiu em não entrar. Na tentativa de Nenê, Gatito fez grande defesa para salvar o time visitante. Já Raniel recebeu belo cruzamento de Juninho e mandou no travessão.

O Vasco pareceu perder o gás com o decorrer do segundo tempo, principalmente por não conseguir passar pelo ferrolho montado pelo Botafogo, que começou a tentar surpreender no contra-ataque Em uma dessas jogadas, Daniel Borges apareceu na frente do gol, mas não conseguiu passar por Thiago Rodrigues, que fez a defesa

Nos minutos finais, o Vasco foi para o tudo ou nada e desperdiçou uma chance atrás da outra de empatar. Quem brilhou foi Gatito, que fez excelentes defesas para confirmar o triunfo do Botafogo. Uma delas, em um belo arremate de Nenê.

Na próxima rodada, o Botafogo enfrenta o Resende na quinta-feira, às 18h, no estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro. No mesmo dia, às 20h30, o Vasco desafia o Bangu, também na capital carioca.

FICHA TÉCNICA

VASCO 0 X 1 BOTAFOGO

VASCO - Thiago Rodrigues; Léo Matos (Getúlio), Ulisses, Anderson Conceição e Edimar (Riquelme); Matheus Barbosa, Juninho, Bruno Nazário (Figueiredo), Nenê e Gabriel Pec (Laranjeira); Raniel. Técnico: Zé Ricardo.

BOTAFOGO - Gatito Fernández; Daniel Borges, Joel Carli, Kanu e Hugo (Jonathan Silva); Barreto, Breno (Mezenga) e Raí (Juninho); Luiz Fernando (Fabinho), Erison (João Victor) e Diego Gonçalves. Técnico: Lúcio Flávio (interino).

GOLS - Erison, aos 33 minutos do primeiro tempo.

ÁRBITRO - Wagner do Nascimento Magalhães (RJ)

CARTÕES AMARELOS - Gabriel Pec, Léo Matos e Nenê (Vasco); Diego Gonçalves e Juninho (Botafogo)

RENDA - Não divulgada.

PÚBLICO - 9.363 torcedores.

LOCAL - Estádio Castelão, em São Luis (MA)

Veja também

O Coxa quebrou um jejum de seis jogos sem vitória

Últimas notícias