Esportes

MS já tem cinco atletas e paratletas confirmados nos Jogos Olímpicos do Japão

Sul-mato-grossenses irão competir na paracanoagem, paratletismo, natação e judô

Fábio Oruê Publicado em 23/06/2021, às 13h51

Jogos Olímpicos estavam marcados originalmente para 2020
Jogos Olímpicos estavam marcados originalmente para 2020 - Foto: Divulgação

Cinco atletas e paratletas de Mato Grosso do Sul já estão com as vagas garantidas para disputar os Jogos Olímpicos Tóquio, que acontecem a partir do próximo mês, no Japão.

Três deles vão competir nos Jogos Paralímpicos e dois nas competições das olimpíadas, de acordo com a Fundesporte (Fundação de Desporto e Lazer de MS).

Entre 23 de julho e 8 de agosto (Olímpicos) e entre 24 de agosto a 5 de setembro (Paralímpicos), quando acontecerão as competições, estarão em Tóquio os desportistas de MS Leonardo de Deus e Rafael Silva para as olimpíadas e Yeltsin Jacques, Débora Benevides e Fernando Rufino para as paralimpíadas.

Na natação, o Estado será representado pelo Leonardo, que é campo-grandense, mas cresceu e treinou em várias cidades do Brasil. Já Rafael, que também é da Capital, mas erradicado no Paraná, competirá no judô.

Leonardo e Rafael (Fotos: Divulgação)

MS tem dois competidores na paracanoagem: Fernando, conhecido como o 'Cowboy de Aço', e Débora. Rufino, que natural de Eldorado, mas cresceu em Itaquiraí, está com a vaga garantida desde agosto de 2019, quando chegou em sexto lugar na prova do caiaque KL2 200m, durante o Mundial de Paracanoagem na Hungria.

Na mesma competição, mas na disputa feminina, também nos 200m (classe VL2), Benevides chegou à final, mas ficou com a prata após ser superada pela russa Mariia Nikiforova.

Por fim, Yeltsin Jacques garantiu na semana passada os índices para disputar as paralimpíadas nas provas de 1.500m e 5.000m, na seletiva brasileira da Confederação de Paratletismo, disputada em São Paulo.

Rufino, Débora e Yeltsin (Fotos: Divulgação)

Menções honrosas

Também estão com passagem para Tóquio a judoca Aléxia Nascimento e a jogadora Bruna Benites. A sul-mato-grossense Aléxia não vai competir, mas integra a equipe de apoio, formada por 20 atletas de base que ajudarão na preparação final da seleção verde e amarela em Hamamatsu, local de aclimatação do COB (Comitê Olímpico do Brasil) em solo japonês. 

Já Bruna não é de MS, mas tem sua história marcada no futebol sul-mato-grossense. Ela jogou no EC Comercial em 2008, quando estava no começo da carreira. Benites foi convocada na semana passada para atuar na Seleção Olímpica de Futebol.

Aléxia e Bruna (Fotos: Divulgação)

De acordo com a Fundesporte, a lista de atletas de MS nos jogos pode aumentar porque nem todas classificações nas competições mundiais, que garantem uma vaga em Tóquio, foram fechadas. 

Jornal Midiamax