Esportes

Palmeiras classifica com show e garante vantagem até final

Palmeiras amassou o Novorizontino, goleou por 5 a 0

Clayton Neves Publicado em 22/03/2018, às 01h46

None

Palmeiras amassou o Novorizontino, goleou por 5 a 0

A partida era de volta pelas quartas de final do Campeonato Paulista, mas o “espírito foi de Libertadores”. Com grande atuação coletiva e destaques individuais, o Palmeiras amassou o Novorizontino, goleou por 5 a 0 – tentos de Bruno Henrique, Keno, Willian e Dudu no primeiro tempo, e Papagaio no segundo – e se garantiu na semifinal do Estadual. Além disso, o triunfo faz com que o time alviverde possa decidir até uma possível final no Allianz Parque.​

Com atuação que lembrou a do clássico contra o São Paulo, em que venceu por 2 a 0, o Palmeiras deixou incrédulos os que imaginavam uma equipe desinteressada nesta quarta-feira. Com apenas seis minutos, Lucas Lima fez enfiada para Willian, que invadiu a área e tocou para o meio para Bruno Henrique empurrar para as redes.

 Mesmo com a vantagem que, somada, já era de 4 a 0, o Palmeiras não diminuiu o ritmo em campo. Dudu, que começou a temporada em baixa, foi um “Guerreiro” brigando por cada bola. Lucas Lima, que teve queda de rendimento nos últimos jogos, também se destacou, enquanto Keno, aproveitando oportunidade como titular, fez jus à escolha de Roger.

E justamente com estes últimos, o Palmeiras ampliou. Aos 18, Felipe Melo iniciou a jogada com uma bela inversão, Keno tabelou com Lucas Lima, entrou na área e tocou por cobertura em cima do goleiro Oliveira.

O ritmo era impressionante e o Palmeiras fez parecer fácil dar espetáculo em campo. A equipe trocava passes de pé em pé e assim, aos 34 minutos, Marcos Rocha, destaque defensivo em 2018, deu sua primeira assistência e deixou Willian livre para fazer o terceiro.

Já no minuto final do primeiro tempo Marcos Rocha bateu falta rapidamente e achou Dudu. O capitão tabelou com Keno, cortou a marcação e bateu de canhota, já dentro da área. Foi o primeiro tento do artilheiro da casa no Allianz Parque este ano.

Com tamanha vantagem, Roger Machado se deu ao luxo de sacar Thiago Martins e Marcos Rocha de campo para as entradas de Edu Dracena e Tchê Tchê. Foi a estreia do defensor pelo Palmeiras na temporada, e mais uma partida em que o camisa 8 se consolidou como lateral-direito.

Goleando, o Palmeiras não deixou de buscar o ataque em nenhum momento. Em dado momento, o time da casa chegou a ter seus dez jogadores de linha à frente do meio-campo. E isso só não foi revertido em gol mais cedo, porque Felipe Melo desperdiçou uma cobrança de pênalti após pedir ao capitão Dudu para bater.

Mesmo assim, o quinto gol veio com Papagaio – que entrou mais cedo na vaga de Willian -, que marcou seu primeiro pelo clube. Antes, o toque de calcanhar de Keno entre dois marcadores, e o cruzamento de Lucas Lima com precisão na cabeça do garoto já valeram a jogada. A assistência, aliás, foi a sexta do camisa 20 pelo Palmeiras.

Jornal Midiamax