Esportes

Copa do Brasil: Santos arranca empate com o Vasco e avança

2 a 2 em partida movimentada garante o time paulista na próxima fase

Clayton Neves Publicado em 22/09/2016, às 02h36

None
santos-vasco-22set.jpeg

2 a 2 em partida movimentada garante o time paulista na próxima fase

Com a vantagem no confronto, o Santos arrancou um empate por 2 a 2 com o Vasco em São Januário, na noite desta quarta-feira, garantindo a classificação para as quartas de final da Copa do Brasil. O time, que havia vencido o rival por 3 a 1 em casa, agora aguarda o sorteio da próxima fase para saber qual será seu próximo duelo.

O jogo – Em seus domínios e precisando reverter a vantagem santista do primeiro duelo, o Vasco tomou a iniciativa do jogo e foi para cima desde os primeiros minutos. Só que em um ataque em velocidade pela direita, Thiago Maia deu um lindo cruzamento para a área, Martín Silva não alcançou e Copete mandou para o gol de cabeça, abrindo o placar.

Se a situação já era boa, ficou melhor ainda. A vantagem deu uma tranquilidade do time da Vila Belmiro, mas ele acabou recuando muito e dando espaços para a equipe da casa. Não demorou para Nenê aproveitar um cruzamento para dentro da área e marcar um belo gol, de primeira, empatando a partida.

O Vasco até poderia ter feito mais gols, mas o time não acertou o alvo. A primeira boa chance veio com Junior Dutra, que arriscou de longe, com perigo, para fora. Depois foi a vez de Yago Pikachu, que recebeu um bom passe de Nenê, mas chutou por cima.

No segundo tempo, o Santos começou melhor e pouco sofreu com o rival. Mas pouco depois da metade do período, o time paulista teve a chance de matar o jogo com Joel, que tentou driblar Martín Silva, mas o goleiro uruguaio salvou. Na sequência, Lucas Lima perdeu a bola e o Vasco partiu em contra-ataque. Thalles cabeceou e Ederson mandou para o gol, virando o confronto.

A partir daí, a pressão do time da casa aumentou e o Santos tratou de se defender para evitar o gol que levaria o duelo para os pênaltis. Ederson perdeu uma chance incrível aos 29, ao mandar para fora, sozinho, dentro da pequena área.
Mas em um contra-ataque do Santos, Rodrigo tentou afastar o cruzamento e marcou contra. Os vascaínos reclamaram de falta na origem da jogada, mas de nada adiantou e o Santos avançou na competição.

Jornal Midiamax