Esportes

Time de Rugby de Campo Grande faz pedágio para arrecadar dinheiro e ir ao Brasileiro

Dinheiro arrecadado será gasto com passagens de avião

Midiamax Publicado em 25/02/2015, às 22h33

None
rugby.jpg

Dinheiro arrecadado será gasto com passagens de avião

Os jogadores do Campo Grande Rugby Clube (CGRC) fizeram um pedágio na noite desta quarta-feira (25). Os atletas pretendem participar do Campeonato Brasileiro de Rugby que será realizado neste fim de semana (28 Fevereiro e 1º de Março), pediram dinheiro no semáforo para tentar um pouco mais de ajuda.

De acordo com o presidente do time, Raphael Martinez, de 31 anos, que além de atleta é funcionário público, os jogadores sempre bancam as viagens com dinheiro próprio, mas agora está um pouco difícil porque acabaram de retornar de outra competição. “Nós fomos para Florianópolis em uma competição e estamos sem dinheiro para viajar novamente”, declarou.

O presidente disse ainda que todos os jogadores trabalham além de jogar e que com esse dinheiro que conseguem viajar, além de receber uma ajuda da família. “Às vezes precisamos recorrer à vaquinha e aos almoços para juntar uma grana”.

O dinheiro arrecadado será gasto com passagens de avião para os 13 jogadores que vão ao campeonato. A competição vai reunir 16 times de sete estados do Brasil. “Nós não vamos de ônibus porque sai R$ 10,8 mil para fretar um e como todos trabalham na sexta e na segunda, vamos de avião porque é mais rápido”.

O valor estimado pelo time de gasto com a viagem é de R$ 11 mil, mas eles já conseguiram a doação de cinco passagens. O time todo precisa de 26 passagens, sendo 13 de ida e 13 de volta. Ao todo, com o time masculino e feminino, são 60 atletas que treinam em Campo Grande. O time foi fundado em 2002.

“Não sei o que vamos fazer caso a gente não consiga o dinheiro. Estamos correndo o risco de não ir ao campeonato e somo o único time fora o eixo sul e sudeste do Brasil”, concluiu.

Interessados em ajudar o time podem entrar em contato pelo telefone 67 9207-5399 e falar com o Raphael. 

Jornal Midiamax