Presidente da Federação Boliviana de Futebol é transferido para presídio

Carlos Chávez teria desviado dinheiro de amistoso com Brasil
| 23/07/2015
- 23:57
Presidente da Federação Boliviana de Futebol é transferido para presídio

Carlos Chávez teria desviado dinheiro de amistoso com Brasil

O presidente da Federação Boliviana de Futebol, Carlos Chávez, foi transferido na noite desta quarta-feira (22) para o presídio de Palmasola, o mais perigoso da Bolívia e que recebeu, recentemente, a visita do papa Francisco. Outro cartola, o secretário-geral da FBF, Alberto Lozada, também foi transferido para o local. Porém, no caso dele, a prisão deve ser domiciliar após o pagamento de fiança. Mais um acusado, o dirigente José Pedro Zambrano está sendo procurado pelas autoridades bolivianas por ter participado do esquema.

Os três são acusados de desviar cerca de US$ 400 mil do amistoso entre Bolívia e Brasil, que deveriam ter sido entregues para a família do torcedor boliviano Kevin Espada, 14 anos, que morreu durante uma partida na Taça Libertadores entre Corinthians e San José, em 2013. A investigação não tem a ver com o inquérito aberto pelos Estados Unidos contra diversos dirigentes sul-americanos por corrupção na Fifa.

Veja também

O Brasil estreou na Copa do Mundo Sub-20 de futebol feminino com um empate sem...

Últimas notícias