Esportes

Corinthians bate Figueirense fora e amplia vantagem na ponta

 formação dirigida por Tite chegou aos 60 pontos 

Diego Alves Publicado em 27/09/2015, às 21h33

None
cori.jpg

 formação dirigida por Tite chegou aos 60 pontos 

O Corinthians cumpriu o que dele se esperava em Florianópolis. Fechando suas visitas a Santa Catarina no Campeonato Brasileiro com 100% de aproveitamento, a equipe alvinegra – ou laranja – derrotou o Figueirense por 3 a 1 e ampliou a vantagem sobre o vice-líder Atlético-MG , que empatou neste domingo com o Joinville.

A formação dirigida por Tite chegou aos 60 pontos e deu mais um passo importante na briga pelo título. Já o time comandado por Hudson Coutinho, agora sem vencer há sete rodadas, permaneceu na zona de rebaixamento à Série B , com 28, à frente apenas de Vasco e Joinville.

No encharcado gramado do Orlando Scarpelli, o Corinthians não demorou a sair na frente com Elias, que surpreendeu Muralha com um chute cruzado da linha de fundo, quase sem ângulo. Os visitantes começaram a desperdiçar oportunidades claras para matar o jogo e finalmente o fizeram já na etapa final, quando Gil aproveitou cruzamento.

O Figueirense, que ameaçava reagir e cobrar o preço dos gols perdidos pelo adversário, murchou completamente. Renato Augusto aproveitou um rebote para ampliar a diferença. Já nos acréscimos, Leandro Silva ficou com sobra na área e marcou um gol que pouco importou.

FICHA TÉCNICA

FIGUEIRENSE 1 X 3 CORINTHIANS

Local: estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC)

Data: 27 de setembro de 2015, domingo

Horário: 16h (de Brasília)

Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (PE)

Assistentes: Rodrigo F. Henrique Correa (RJ) e Clóvis Amaral da Silva (PE)

Cartões amarelos: Rafael Bastos, Saimon e Leandro Silva (Figueirense); Vagner Love, Felipe e Lucca (Corinthians)

Gols

Figueirense: Leandro Silva, aos 45 minutos do segundo tempo

Corinthians: Elias, aos 14 minutos do primeiro tempo; Gil, aos 21, e Renato Augusto, aos 37 minutos do segundo tempo

FIGUEIRENSE : Alex Muralha; Leandro Silva, Saimon, Thiago Heleno e Marquinhos Pedroso; Fabinho, João Vitor (Sueliton), Rafael Bastos (Thiago Santana) e Yago; Clayton e Marcão (Marcelinho)

Técnico: Hudson Coutinho

CORINTHIANS : Cássio; Fagner (Edílson), Felipe, Gil e Yago; Ralf; Jadson (Danilo), Elias, Renato Augusto e Malcom; Vagner Love (Lucca)

Técnico: Tite

Jornal Midiamax