Com 85 mil homens, Rio-2016 terá o dobro do contingente dos Jogos de Londres

 O Ministério da Defesa investirá R$ 580 milhões e o governo do Rio de Janeiro já investiu cerca de R$ 750 milhões
| 31/07/2015
- 00:17
Com 85 mil homens, Rio-2016 terá o dobro do contingente dos Jogos de Londres

 O Ministério da Defesa investirá R$ 580 milhões e o governo do Rio de Janeiro já investiu cerca de R$ 750 milhões

Nesta quinta-feira, a Comissão Estadual de Segurança Pública e Defesa Civil divulgou que para os Jogos Rio-2016 cerca de 85 mil homens, sendo 38 mil das Forças Armadas, serão destacados para a segurança do evento, que será realizado no segundo semestre do ano que vem.

Com esse contingente, as Olimpíadas do Rio de Janeiro terão o dobro de homens fazendo a segurança do que os Jogos de Londres, em 2012. Preocupados com possíveis ataques terroristas, os ingleses empregaram cerca de 42 mil pessoas. Apesar do risco de terrorismo no Brasil ser considerado baixo, André Rodrigues, secretário extraordinário de Segurança para Grandes Eventos do Ministério da Justiça, justificou o efetivo empregado.

“Esse não é somente o maior efetivo usado em uma Olimpíada. É o evento com a maior quantidade de competições, atletas e países. A segurança das instalações passou a ser também uma atividade do setor público e isso tamém aumenta o número de pessoas empregada. É difícil fazer um comparativo com situações distintas”, disse André Rodrigues referindo-se a seguranças particulares que foram utilizados em Londres, nos locais de competição, o que não acontecerá no Rio de Janeiro.

De acordo com o relatório divulgado pela comissão, o orçamento dos Jogos Olímpicos ultrapassará a cifra de R$ 1 bilhão. O Ministério da Defesa investirá R$ 580 milhões e o governo do Estadio do Rio de Janeiro já investiu cerca de R$ 750 milhões. Delegacias móveis, centros de comando e controle integrados móveis e câmeras acopladas em helicópteros fazem parte dos custos em segurança para os jogos.

Veja também

Últimas notícias