Esportes

CBF desiste de recurso e Neymar deixa Seleção Brasileira

O jogador foi punido com quatro jogos de suspensão

Gerciane Alves Publicado em 22/06/2015, às 10h51

None
neymar_2.jpg

O jogador foi punido com quatro jogos de suspensão

Acabou de vez a participação de Neymar na Copa América. Sem dar qualquer explicação, a CBF anunciou que sequer vai tentar reduzir a pena que o atacante recebeu por agredir um jogador e xingar o árbitro no jogo contra a Colômbia . Ele foi punido com quatro jogos de suspensão, então não tem como disputar as possíveis três partidas que o Brasil terá pela frente. Sendo assim, Neymar resolveu que não ficará com o grupo, já se despediu dos companheiros e vai embora ainda nesta segunda-feira.

A expectativa era de que a CBF entrasse com um recurso para reduzir a pena do atacante. A resposta sobre esse apelo seria divulgado na terça-feira, pelo Comitê Disciplinar da Conmebol. Porém, a entidade brasileira resolveu acatar a punição inicial e fez um anúncio em seu site oficial.

Sobre permanecer ou não no grupo do Brasil, a decisão foi de Neymar. O técnico Dunga já tinha anunciado que daria essa liberdade para o jogador escolher o que achasse melhor. Ele optou por sair e começar a aproveitar suas férias. O zagueiro Thiago Silva tinha sugerido que seu companheiro fizesse exatamente isso.

Veja o comunicado oficial da CBF:

Em reunião realizada na noite deste domingo entre Neymar e a comissão técnica, ficou decidido que a CBF acatará a decisão da Conmebol, que suspendeu o jogador por quatro partidas, o que o deixa fora da Copa América.

A comissão técnica e o jogador esperam que o mesmo rigor com que a Commebol puniu Neymar seja adotado em todas as competições organizadas pela entidade.

Por fim, a comissão técnica da Seleção Brasileira lamenta o fato da perda de mais um jogador importante para a disputa desta competição.

Neymar deixa a delegação que está concentrada no Hotel Sheraton, em Santiago, nesta segunda-feira.

Jornal Midiamax