Esportes

Atlético-GO vence o Paysandu e se afasta da zona de rebaixamento

O Atlético-GO chegou a segunda vitória 

Diego Alves Publicado em 03/10/2015, às 21h57

None
torcida_paysandu_001.jpg

O Atlético-GO chegou a segunda vitória 

Com um gol nos minutos finais, o Atlético-GO derrotou o Paysandu por 2 a 1, neste sábado, no Estádio Serra Dourada. O Rubro-Negro goiano saiu na frente com Jorginho e foi para o intervalo com a vantagem no placar. Na etapa final, o Papão empatou com Yago Pikachu, cobrando pênalti. Quando tudo indicava uma igualdade, o Dragão voltou a ficar na frente com gol de Juninho.

Com o resultado, o Atlético-GO chegou a segunda vitória seguida e se distanciou na zona de rebaixamento. O time somou mais três pontos e termina a rodada na 12ª posição, com 38 pontos. Já o Paysandu acumulou a terceira derrota consecutiva e estacionou nos 47 pontos, mas permaneceu no G4 da competição.

Na próxima terça-feira, o Atlético-GO vai à Natal enfrentar o ABC-RN, na Arena das Dunas, às 20h30 (de Brasília). No mesmo dia, às 21h30 (de Brasília), o Paysandu recebe o Bahia, no Mangueirão.

O jogo – A partida começou equilibrada, com as duas equipes dispostas a atacar. Os visitantes tomavam mais a iniciativa e apostavam nas jogadas pelo lado esquerdo, com o lateral João Lucas. Yago Pikachu teve chance em cobrança de falta, aos nove minutos, mas não pegou bem na bola e mandou no meio da barreira.

Os donos da casa responderam na sequência. Júnior Viçosa recebeu passe fora da área e lançou para Arthur, que entrava com velocidade. O atacante chutou cruzado e Emerson fez boa defesa. O Dragão chegou com perigo novamente aos 16 minutos. Danilo Tarracha foi à linha de fundo e cruzou rasteiro. A bola passou por Júnior Viçosa e sobrou para Arthur, que finalizou travado por João Lucas.

O Atlético-GO passou a tomar conta do jogo e levava perigo ao gol defendido por Emerson. Aos 21, Pedro Bambu cobrou escanteio, Marcus Winícius cabeceou e o goleiro do Papão defendeu. O Paysandu ensaiou uma resposta com Léo Melo, que arriscou chute de fora da área, mas jogou para fora. Entretanto, o Rubro-Negro goiano continuava a comandar a partida e abriu o placar aos 26, com Jorginho, após cruzamento rasteiro de Júnior Viçosa.

Depois de tomar o gol, o Paysandu saiu mais para o jogo. O time paraense ficava mais com a bola, tinha mais presença do campo de ataque, porém não conseguia criar uma oportunidade clara de empatar. O Atlético-GO, por outro lado, aproveitava os espaços deixados na defesa adversária e levava perigo quando descia em velocidade.

Na marca de 40 minutos, Yago Pikachu teve mais uma falta para cobrar. Aylon foi derrubado na altura da meia-lua, de frente para o gol. O lateral direito artilheiro bateu colocado, mas mandou por cima do gol, raspando no travessão de Márcio. A última chance do primeiro tempo foi do Atlético-GO. Éder Sciola cobrou escanteio pela direita e Arthur cabeceou para mais uma defesa de Emerson.

O Papão voltou para o segundo tempo disposto a reverter a vantagem do Atlético-GO. Dado Cavalcanti tirou Augusto Recife para colocar mais um atacante, Misael. Com menos de um minuto, Márcio foi obrigado a fazer grande defesa para evitar o gol de empate. Roni invadiu a área, recebeu passe em profundidade e finalizou de primeira. A resposta do Rubro-Negro goiano foi logo na sequência. Willie chutou forte da entrada da área e Emerson voou para defender de mão trocada.

O Dragão não abdicava de atacar e quase ampliou aos 11 minutos, com Júnior Viçosa. Jorginho tocou boa bola para o atacante, que chutou na saída de Emerson. O goleiro do Paysandu fez mais uma grande defesa e evitou o segundo gol dos donos da casa. À semelhança do primeiro tempo, o Atlético-GO levava mais perigo quando chegava ao ataque e o Papão tinha dificuldades de furar o bloqueio defensivo do adversário.

O gol de empate do Paysandu saiu em um lance de bola parada. Aos 26, Misael chutou e a bola bateu no braço de Marcus Winícius, dentro da área. O árbitro assinalou pênalti. Yago Pikachu cobrou no lado direito, Márcio chegou a tocar na bola, mas não evitou que ela morresse no fundo da rede.

Quando o jogo se encaminhava para um empate, o Atlético-GO chegou ao segundo gol. Após cobrança de falta de Éder Sciola na lateral direta, Juninho desviou de cabeça para garantir a vitória do Dragão no Serra Dourada.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO-GO 2 x 1 PAYSANDU

Local: Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO)

Data: 03 de outubro de 2015, sábado

Horário: 16h30 (de Brasília)

Árbitro: Wagner Reway (MT)

Assistentes: Eduardo Gonçalves da Cruz (MS) e Danilo Ricardo Simon (SP)

Cartões amarelos: Feijão, Marcus Winícius e Samuel (Atlético-GO); Jhonnatan, Fernando Lombardi, Thiago Martins e Fahel (Paysandu)

GOLS

ATLÉTICO-GO: Jorginho, aos 26 min do primeiro tempo, e Juninho, aos 41 min do segundo tempo

PAYSANDU: Yago Pikachu (de pênalti), aos 28 min do segundo tempo

ATLÉTICO-GO: Márcio; Éder Sciola, Marcus Winícius, Samuel e Danilo Tarracha; Feijão (Caíque), Pedro Bambu, Jorginho (Washington) e Willie (Juninho); Júnior Viçosa e Arthur

Técnico: Gilberto Pereira

PAYSANDU: Emerson; Yago Pikachu, Fernando Lombardi, Thiago Martins e João Lucas (Luis Felipe); Fahel, Augusto Recife (Misael), Jhonnatan e Roni; Léo Melo (Djalma) e Aylon

Jornal Midiamax