Censo 2022: Termina nesta sexta processo seletivo complementar do IBGE com vagas em Campo Grande

Ao todo, são 106 vagas, sendo 97 para agente censitário operacional e 9 para coordenador censitário subárea
| 05/05/2022
- 12:25
concurso ibge
Concurso do IBGE(Foto: Acervo/IBGE)

Termina nesta sexta-feira (6) o processo seletivo complementar do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) com vagas para Campo Grande e outras capitais do país. O processo é para contratação temporária de profissionais que trabalharão no Censo 2022.

Ao todo, são 106 vagas, sendo 97 para agente censitário operacional (ACO) e 9 para coordenador censitário subárea (CCS). As foram abertas na segunda-feira (2) e seguem até a próxima sexta-feira (6). Os interessados podem se inscrever de forma online ou presencialmente, e não há cobrança de taxa.

As vagas de Agente Censitário Operacional são para trabalhar em Maceió (AL), São Luís (MA), Campo Grande (MS), João Pessoa (PB), (PE), Rio de Janeiro (RJ) e Florianópolis (SC). Para exercer essa função, é exigido o ensino médio completo. Os ACOs têm, entre outras atividades, a função de ajudar no trabalho administrativo e de informática na unidade em que estiverem lotados. A remuneração é de R$ 1.700 mensais.

Já para Coordenador Censitário Subárea, as vagas estão distribuídas em municípios de Minas Gerais, Mato Grosso, Rio Grande do Sul e Santa Catarina. A remuneração para a função é de R$ 3.100 e os pré-requisitos são o ensino médio completo e a Carteira Nacional de Habilitação, no mínimo categoria B. Entre as atribuições estão acompanhar os trabalhos das equipes das coordenações nacionais e estaduais de supervisão e implementar as orientações recebidas e responder por questões técnicas, administrativas e operacionais.

Como se inscrever para trabalhar no Censo

Para fazer a inscrição pela internet, o candidato deve preencher o formulário de inscrição e enviá-lo para o e-mail da Unidade Estadual do IBGE que abrange a localidade da vaga. Junto ao formulário, o candidato deve anexar as cópias da sua documentação (identidade e titulação acadêmica). A análise dos títulos será classificatória.

Quem decidir fazer a inscrição presencial deve levar uma cópia do documento de identidade e da titulação acadêmica (como diploma ou certificado de conclusão de curso) a um dos postos do IBGE relacionados no anexo do edital correspondente à vaga pretendida.

Processo complementar

A abertura do PSS complementar é uma forma de continuar a seleção iniciada por meio do edital nº 03/2019, que visava à contratação de agentes e coordenadores censitários.

“Este modelo é utilizado para suprir as vagas daquelas localidades que não tiveram candidatos aprovados em número suficiente para atender à necessidade de serviço do processo seletivo original”, completa o gerente de Provimento do IBGE, Bernardo Caú.

As contratações serão efetuadas nos termos da Lei 8.745, que permite a admissão de pessoal por tempo determinado a fim de atender à necessidade temporária de excepcional interesse público.

Veja também

Últimas notícias