Cotidiano / Emprego & Concurso

Candidatos apontam irregularidade em concurso para procurador em cidade de MS

Com uma ‘parte’ faltando, a prova de concurso público para a Prefeitura de Paranaíba, a 407 km de Campo Grande, é alvo de denúncias feitas pelos candidatos. Conforme candidatos ao cargo de procurador municipal, o caderno veio sem a peça processual, que seria realizada junto com a prova objetiva. Os candidatos fizeram até uma ata […]

Mylena Rocha Publicado em 25/09/2019, às 12h39 - Atualizado às 18h13

Foto: Prefeitura Municipal de Paranaíba.
Foto: Prefeitura Municipal de Paranaíba. - Foto: Prefeitura Municipal de Paranaíba.

Com uma ‘parte’ faltando, a prova de concurso público para a Prefeitura de Paranaíba, a 407 km de Campo Grande, é alvo de denúncias feitas pelos candidatos. Conforme candidatos ao cargo de procurador municipal, o caderno veio sem a peça processual, que seria realizada junto com a prova objetiva.

Os candidatos fizeram até uma ata de ocorrência para registrar o acontecido. “A banca não mandou a peça, veio faltando esta parte da prova. Aí mandaram por e-mail a parte que faltava, imprimiram na hora e mandaram para as salas, tivemos que aceitar isto”, diz um candidato.

Conforme informações da ata, o arquivo recebido por e-mail foi acessado na sala da coordenação da escola onde era realizado o concurso, na presença de membros da comissão organizadora. As cópias foram impressas e entregues aos candidatos.

Nesta terça-feira (24), a Prefeitura emitiu uma nota de esclarecimento sobre o concurso. Segundo a Prefeitura, a elaboração, aplicação e fiscalização das provas foram feitas pela empresa contratada para organizar o concurso.

“A Comissão deliberou pela interpelação da empresa organizadora para que preste esclarecimento sobre o cumprimento de suas obrigações contratuais e sobre os fatos divulgados nas redes sociais. Após analisar os esclarecimentos prestados por parte da banca e ouvida a Procuradoria-Geral do Município e o Representante da 6ª subseção da OAB – Ordem dos Advogados do Brasil em Paranaíba-MS, a Comissão está exigindo medidas por parte da banca contratada para que garanta a lisura e imparcialidade das provas para os mencionados cargos”, disse em nota. Segundo a Prefeitura, todas as decisões serão publicadas via edital, no site da Prefeitura e da empresa organizadora do concurso.

Jornal Midiamax