MS teve mais de 11 mil vagas de trabalho fechadas em um ano, segundo Caged

Comércio foi segmento com maior saldo negativo
| 26/02/2016
- 23:41
MS teve mais de 11 mil vagas de trabalho fechadas em um ano, segundo Caged

Comércio foi segmento com maior saldo negativo

Mato Grosso do Sul fechou em um ano 11.249 vagas de trabalho, segundo dados do (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) divulgados nesta sexta-feira (26), pelo MTE (Ministério do Trabalho e Emprego).

Segundo o levantamento, em janeiro o saldo negativo foi de 163 vagas, uma diminuição de 0,03% em relação ao estoque de assalariados com carteira assinada do mês anterior. Os setores de atividade econômica com maior número de desempregados foram: Comércio (505 postos a menos) e Indústria de Transformação, onde 125 perderam os postos de trabalho.

Construção Civil foi o segmento que mais contratou, um total de 345 vagas. Na sequência, Serviços, com aumento de 191 vagas criadas. Agropecuária foi único setor que se manteve com o mesmo número de funcionários com carteiras assinadas.

Cidades

Campo Grande foi a cidade que mais demitiu. Ao todo, 7.847 empregados perderam seus empregos em janeiro. Dourados se manteve na vice-liderança, com demissão de 1.774.

Três Lagoas também ficou entre as cidades onde mais trabalhadores foram demitidos, cerca de mil pessoas. No entanto, a cidade teve o melhor saldo de emprego devido a contratação de 1,4 mil trabalhadores.

Veja também

Certame conta com vagas de ensino médio e superior no interior de MS

Últimas notícias