Cotidiano / Emprego & Concurso

Inscrições para concurso do IFMS com salários de R$ 3,6 mil terminam neste domingo

Oportunidades são para todos os níveis de escolaridade

Midiamax Publicado em 04/08/2016, às 16h10

None
enem-redacao.jpg

Oportunidades são para todos os níveis de escolaridade

O prazo de inscrições para o concurso de técnico-administrativo em educação do IFMS (Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul) termina neste domingo (07). Os salários chegam a R$ 3,6 mil e as oportunidades são para 10 municípios.

Campo Grande, Aquidauana, Corumbá, Coxim, Dourados, Jardim, Naviraí, Nova Andradina, Ponta Porã e Três Lagoas estão na lista. As provas serão no dia 4 de setembro, em Campo Grande, Dourados e Três Lagoas.

Os interessados devem se inscrever no site www.ifms.edu.br.Ataxa de inscrição é de R$ 60 para ensino fundamental; R$ 80 para níveis médio e técnico; R$ 100 para quem completou o ensino superior.

Vagas e salários

Inscrições para concurso do IFMS com salários de R$ 3,6 mil terminam neste domingoNível fundamental – auxiliar de biblioteca (2), com salário inicial de R$ 1.739,04;

Nível médio – assistente em administração (10) e tradutor/intérprete de Libras (4), com remuneração de R$ 2.175,17;

Nível médio e curso técnico completos – diagramador (1); técnicos em laboratório de química (5),  informática (6), biologia (1) e metalurgia (1); técnicos da informação (5), alimentos (1), audiovisual (2),  contabilidade (2), edificações (1) e secretariado (2), com salário inicial de R$ 2.175,17;

Nível superior – analista de tecnologia da informação (1), assistente social (1), bibliotecário/documentalista (2), economista (1), nutricionista (1), tecnólogo formação/gestão pública (4), tecnólogo formação/produção audiovisual (1), tecnólogo em assuntos educacionais (5) e tecnólogo formação/produção cultural (1), com remuneração de R$ 3.666,54;

Além dos valores citados, o IFMS também oferece R$ 458 para despesas com alimentação, transporte, educação (para quem tem filhos em idade escolar) e saúde suplementar.

Jornal Midiamax