PIS-PASEP pode pagar até R$ 3 mil ainda em 2022; saiba se tem direito

Abono salarial e cotas do PIS-PASEP podem garantir dinheiro extra a trabalhador
| 13/07/2022
- 16:24
abono salarial do PIS-PASEP
Abono salarial do PIS-PASEP. (Imagem: Reprodução)

Se você trabalha com carteira assinada ou é servidor público e atende aos critérios, saiba que pode ter cerca de R$ 3 mil a receber do PIS-PASEP este ano.

Isso porque, além do abono, é possível sacar as cotas do PIS-PASEP. São cerca de 10 milhões de pessoas com direito às cotas do PIS-PASEP, outras 470 mil com direito ao saque do abono salarial do ano-base de 2020 e outras 320 mil que não sacaram ainda o valor referente ao período de 2019.

Enquanto que o PIS é destinado a quem trabalhou com carteira assinada em empresas privadas, gerido pela Econômica Federal, o PASEP é direcionado a servidores públicos e é pago pelo Banco do Brasil.

Assim, se você não sacou o PIS de 2020, que pode chegar a R$ 1.212 (dependendo do número de meses trabalhados) e somar com o abono referente a 2019, que pode ser de até R$ 1.100, o valor chega a R$ 2,3 mil. Porém, se ainda tiver direito às cotas do PIS-PASEP, o valor pode chegar a R$ 3 mil, conforme estimativa.

Quem tem direito ao PIS-PASEP?

Os trabalhadores que exerceram atividade no ano de 2019 e 2020 são os que podem receber. Além disso, é necessário ter cumprido pelo menos 30 dias de trabalho no ano de referência. A quantidade de meses trabalhados determina o valor a ser recebido de abono, que varia de R$ 101 a R$ 1.212.

Dessa forma, terão direito ao PIS-PASEP 2022 apenas quem se encaixa nos seguintes critérios:

  • Ter recebido por pelo menos 30 dias de trabalho em 2019 ou 2020.
  • Atuado com carteira assinada em 2020.
  • Ter recebido, em média, no máximo dois salários mínimos mensais em 2019 e 2020.
  • Estar inscrito no PIS-Pasep há pelo menos 5 anos.
  • Que o seu empregador tenha atualizado seus dados na Rais (Relação Anual de Informações Sociais).

Quem tem direito às cotas do PIS-PASEP?

As cotas do PIS-PASEP são diferentes do abono salarial, que é pago anualmente. As cotas são pagas apenas uma vez na vida a quem exerceu emprego formal no período de 1971 e 1988. Servidores públicos ou militares têm direito às cotas do PASEP no mesmo período.

O prazo para resgatar esses valores vai até 1º de junho de 2025. Após essa data, o montante será repassado aos cofres da União.

Como realizar o saque?

É simples. Basta ter o Cartão Cidadão e ir a um caixa eletrônico da Caixa Econômica Federal, lotéricas ou correspondentes do banco para valores até R$ 3 mil.

Se você possui conta na Caixa Econômica ou Banco do Brasil, os valores podem ter sido disponibilizados automaticamente.

Para os demais casos, basta comparecer a uma agência da Caixa com documento oficial com foto para retirar o valor.

Em caso de saque por parte do herdeiro do cotista do PIS-PASEP, é necessário levar os seguintes documentos:

  • Certidão de óbito e certidão ou de dependentes habilitados à pensão por morte do INSS.
  • Certidão de óbito e certidão ou declaração de dependência habilitados à pensão por morte emitida pela entidade empregadora.
  • Alvará judicial designando os benefícios do saque.

Consultar o saldo

  • O saldo pode ser consultado pelo aplicativo do FGTS.
  • Pelo site do FGTS (neste link).
  • Correntistas da Caixa podem acessar o saldo pelo internet banking Caixa, com o CPF ou número do NIS do cotista.

Veja também

Últimas notícias