Projetos aprovados pelo Codecon devem gerar 62 novos empregos em Campo Grande

Estão previstos investimentos que totalizam R$ 7,1 milhões
| 06/07/2021
- 16:49
Projetos aprovados pelo Codecon devem gerar 62 novos empregos em Campo Grande
Divulgação/PMCG

Uma reunião ordinária foi realizada nesta terça-feira (6) e o Codecon (Conselho de Desenvolvimento Econômico de Campo Grande) aprovou três projetos, que podem criar 62 novos empregos diretos na Capital. Com os projetos, estão previstos investimentos que totalizam R$ 7,1 milhões. Os projetos incluem uma empresa de nutrição animal, fábrica de piscinas e indústria de produtos alimentícios.

Para o empresário e membro do Conselho, Julião Flaves, o Codecon tem papel fundamental no desenvolvimento. “Estamos aqui buscando entender as partes. Este é o início do caminho e a partir dessa discussão a Prefeitura faz a fiscalização e assim conseguimos manter empregos e empreendedores e também desenvolver a cidade”, comentou.

Confira os projetos aprovados:

  • Fabricação de piscinas e caixas de água, que pretende investir R$ 2,5 milhões para criar 14 novos empregos diretos;
  • Fabricação de conservas de legumes e outros vegetais, entre outros. O investimento fixo aqui será de R$ 3,1 milhões com o compromisso de criar 18 novos empregos diretos.
  • Nutrição animal em bloco. O investimento fixo previsto será de R$ 1,5 milhão, com 30 novos empregos diretos.

Além de debater e aprovar os novos projetos já citados, os conselheiros também analisaram os seguintes assuntos: reconsideração de benefícios aprovados pelo conselho; fiscalização de processos com termo de compromisso assinado; revogação de benefícios já aprovados e desistência de processos.

Presidida pelo secretário da Sedesc, Rodrigo Terra, os atuais membros do Codecon terão seus mandatos de dois anos encerrados no dia 24 deste mês. O novo grupo de conselheiros (7 de órgãos governamentais e 6 de órgãos não governamentais) deverá ser empossado ainda em julho, logo após a publicação no Diário Oficial do Município.

Os 43 projetos aprovados em junho pela Câmara Municipal, concedendo benefícios a empresas que atuam em diversas áreas, serão sancionados pelo prefeito . Juntos, somam R$ 215 milhões em investimentos fixos, que deverão propiciar a criação de 981 novos empregos diretos em Campo Grande.

(com informações da )

Veja também

Últimas notícias