Cotidiano / Economia

INSS aumenta juros do crédito consignado; veja como fica seu empréstimo

Reajuste leva em conta alta da taxa básica de juros e inflação

Gabriel Maymone Publicado em 07/12/2021, às 07h34

Teto de juros dos empréstimos consignados do INSS terão alta
Teto de juros dos empréstimos consignados do INSS terão alta - Divulgação

O INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) reajustou o teto dos juros do crédito consignado para aposentados e pensionistas. Assim, o empréstimo pessoal subirá dos atuais 1,80% para 2,14% e o cartão de crédito será reajustado de 2,70% para 3,06%.

A decisão foi aprovada por unanimidade na segunda-feira (6) pelo CNPS (Conselho Nacional de Previdência Social).

Conforme nota do Ministério do Trabalho e Previdência, a decisão do reajuste foi considerada baseada na alta da taxa básica de juros, a Selic, e da inflação para a correção dos valores. "Os conselheiros reconheceram a necessidade de alterar a taxa para se adequar às oscilações do mercado financeiro e ressaltaram a importância da educação financeira para aposentados e pensionistas do INSS".

O empréstimo consignado é aquele descontado diretamente no valor do benefício do segurado do INSS. O valor depende do quanto o beneficiário quer tomar de crédito e o valor que recebe por mês, para não comprometer a renda.

A mudança será válida a partir de resolução a ser publicada pelo CNPS. A partir disso, a Dataprev deverá adequar os sistemas para a adoção dos novos valores. 

Jornal Midiamax