Auxílio emergencial: nascidos em fevereiro recebem próxima parcela quarta-feira

A Caixa Econômica Federal realiza o próximo pagamento do auxílio emergencial na quarta-feira (04) aos nascidos em fevereiro. Serão beneficiados 3,3 milhões de trabalhadores, sendo que 2,7 milhões recebem a primeira parcela de R$ 300. Os demais ainda receberão alguma parcela de R$ 600. Num primeiro momento, o dinheiro ficará em uma conta poupança digital […]
| 03/11/2020
- 11:21
Auxílio emergencial: nascidos em fevereiro recebem próxima parcela quarta-feira
Caixa deposita parcela do auxílio emergencial. (Foto: Reprodução) - Caixa deposita parcela do auxílio emergencial. (Foto: Reprodução)

A realiza o próximo pagamento do na quarta-feira (04) aos nascidos em fevereiro. Serão beneficiados 3,3 milhões de trabalhadores, sendo que 2,7 milhões recebem a primeira parcela de R$ 300. Os demais ainda receberão alguma parcela de R$ 600.

Num primeiro momento, o dinheiro ficará em uma conta poupança digital da Caixa Econômica Federal. O recurso só poderá ser utilizado para pagamento de contas e boletos ou para fazer compras via QR Code e cartão de débito virtual. Somente depois, conforme outro calendário, é que será permitida a realização de saques e transferências.

Veja como antecipar o saque do auxílio emergencial através de aplicativos

Não há necessidade de novo requerimento para receber a extensão do auxílio. Somente aqueles que já foram beneficiados e, a partir de agora, se enquadram nos novos requisitos estabelecidos na MP, terão direito a continuar recebendo o benefício.

Veja o calendário do ciclo 4 do auxílio emergencial:

auxílio emergencial

O governo inicia o pagamento da terceira parcela da extensão do auxílio emergencial aos beneficiários do Bolsa Família no dia 17 de novembro. Na data, irão receber os beneficiários cujo NIS (Número de Inscrição Social) termine em 1.

Veja o calendário do auxílio emergencial para o Bolsa Família:

Auxílio emergencial: nascidos em fevereiro recebem próxima parcela quarta-feira

Veja também

O governo do Estado lançou o ProFloresta, que terá validade até 2030, prevendo geração de empregos, incentivos fiscais e buscando tornar o Mato Grosso do Sul mais forte no setor

Últimas notícias