Cotidiano / Economia

Mais de 4,1 mil empresas podem perder registro em MS por inatividade

Junta Comercial emitiu notificação para empresários

Joaquim Padilha Publicado em 26/04/2018, às 07h54 - Atualizado às 07h55

None

A Junta Comercial de Mato Grosso do Sul publicou nesta quinta-feira (26) uma notificação para mais de 4,1 mil empresas e sociedades empresariais em todo estado para comprovarem que ainda exercem suas atividades.

As empresas estão há dez anos sem promover o arquivamento de quaisquer registros públicos. Segundo o DREI (Departamento de Registro Empresarial e Integração), nesses casos, a Junta deve proceder pelo cancelamento do registro da companhia.

A Junta Comercial deu 30 dias de prazo para que os empresários promovam o arquivamento de quaisquer registro público. Caso contrário, as empresas serão considerados inativos e perderão a proteção de seu nome empresarial.

O cancelamento do registro deverá ser divulgado em ato decisório da Junta em seu site. Ainda conforme as normas do DREI, as empresas que tiverem seus registros cancelados também devem ser informadas do ato num prazo de dez dias.

A maioria dos casos de inatividade empresarial foi registrada em Campo Grande. Na capital, 1,5 mil empresas podem ter os registros cancelados. Já em Dourados, são mais 284 empresas.

Para consultar a lista das empresas notificadas pela Junta, acesse o Diário Oficial do Estado, entre as páginas 47 e 66.

Jornal Midiamax