Cotidiano / Economia

Comércio e serviços de MS demitiu mais do que contratou em maio, diz Fecomércio

O ano ainda acumula um saldo positivo para o setor

Diego Alves Publicado em 21/06/2017, às 21h16

None

O ano ainda acumula um saldo positivo para o setor

O setor de comércio e serviços de Mato Grosso do Sul demitiu mais do que contratou no mês de maio, de acordo com a Fecomércio (Federação do Comércio do Estado do Mato Grosso do Sul). Segundo a Federação, diferente do mês de abril, maio demonstrou retração no saldo de empregos.Comércio e serviços de MS demitiu mais do que contratou em maio, diz Fecomércio

O comércio de Mato Grosso do Sul contratou 4.801 e demitiu 4.915 no referido mês. Já em relação aos serviços, os números foram respectivamente de 6.421 e 6.698. No ano, o segmento de serviços ainda acumula um saldo positivo 2.263 empregos.

Já no interior, a capital teve um resultado positivo de 76 empregos para o comércio, Dourados (55) e Paranaíba (37) se destacaram positivamente no segmento de serviços.

“Como o próprio nome diz instabilidade tende a implicar nesses movimentos de sobe e desce e, faz parte do processo de recuperação da economia. Infelizmente é inegável que um cenário como esse traz, incertezas a população e aos empresários”, avalia o presidente do IPF-MS (Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento de Mato Grosso do Sul), Edison Araújo.

Jornal Midiamax