Cotidiano / Economia

Quanto você vai pagar? Governo de MS libera base de cálculo para IPVA 2017

Confira tabela da base de cálculo

Joaquim Padilha Publicado em 23/11/2016, às 10h48

None
transitocg.jpg

Confira tabela da base de cálculo

O governo do Estado liberou nesta quarta-feira (23) a tabela contendo os valores da base de cálculo do IPVA 2017 (Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores). Quem optar pelo pagamento do importo em parcela única, tem direito a um desconto de 15%.

A tabela foi estabelecida pelo Decreto n. 14.610, de 22 de novembro 2016. O decreto foi publicado em uma edição suplementar do Diário Oficial do Estado. Para conferir a tabela e a base de cálculo do seu veículo, basta clicar aqui.

Outra forma de pagamento oferecida pelo governo estadual é parcelar o imposto em até cinco vezes, com parcelas mínimas de R$ 30, nos casos de motocicletas, e de R$ 55, nos casos dos demais veículos. As datas do pagamento de cada parcela também foram publicadas no decreto.

Segundo publicado no Diário Oficial do Estado, no próximo ano a base de cálculo do IPVA deverá ser reduzida em diferentes percentuais para cada tipo de veículo. Conforme o governador do Estado, Reinaldo Azambuja (PSDB), anunciou nesta terça-feira, o desconto sobre a alíquota do IPVA dos carros de passeio será de 30%. 

Dessa forma caminhões, ônibus e micro-ônibus terão uma carga tributária de 2%; veículos de passeio e camionetas terão carga de 3,5%.Já os veículos de passeio com capacidade de até oito pessoas – além do condutor -, que utilizem motores acionados a óleo diesel – terão 4,5% de carga tributária sobre seu valor.

Os proprietários de motocicletas que tiverem de pagar pela primeira tributação têm valor reduzido em 50% na base de cálculo. Esse desconto incide apenas sobre veículos novos, adquiridos durante o ano de 2017 de revendedores localizados em Mato Grosso do Sul.

Os demais, como automóveis, caminhões, ônibus, e utilitários são totalmente isentos no ano em que foram adquiridos. (Sob supervisão de Evelin Araujo // Editado às 16h50 para correção de informação)

Jornal Midiamax