Cotidiano / Economia

Pelo segundo mês consecutivo inadimplência cai entre campo-grandenses

Índice caiu e números fecharam em 61,5%

Thatiana Melo Publicado em 03/07/2015, às 14h32

None
comercio.jpg

Índice caiu e números fecharam em 61,5%

Mesmo com cenário de retração econômica, com indústrias fechando postos de trabalho, a inadimplência entre as famílias campo-grandenses caiu pelo segundo mês consecutivo, é o que aponta pesquisa realizada pela CNC (Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo).

De acordo com a pesquisa, em maio deste ano o número de inadimplentes entre os campo-grandenses estava em 62,1%, já agora em junho o índice voltou a cair e atingiu números de 61,5%, menor também quando comparado ao índice do ano passado, quando em junho a inadimplência entre os campo-grandenses chegou a 64,2%.

Em relação às contas em atraso também ouve queda segundo a pesquisa, em maio o número era de 30,3% passando para 29,2% em junho. O cartão de crédito ainda é o vilão do endividamento, com 69,2% seguido pelos carnês de lojas com 27% e financiamento de carros com 19,4%.

A pesquisa ainda revelou que 47,9% das famílias campo-grandenses afirmam não ter como saldar suas dívidas. “Como o cenário econômico não é muito positivo, muitos estão refazendo o orçamento doméstico e tentado se readequar”, fala o economista, Thales Campos.

Ainda de acordo com o economista o momento é de pensar em novas dívidas. “O problema não é dever e sim não ter como pagar”, explica.

Jornal Midiamax