Cotidiano / Economia

Mercado asiático diminui volume de exportações e setor industrial fecha negativo

Queda de exportações atinge 35,7%

Thatiana Melo Publicado em 16/06/2015, às 15h06

None
exportacao_ms.jpg

Queda de exportações atinge 35,7%

O estado de Mato Grosso do Sul apresentou mais uma vez queda nas exportações de industrializados, com 17,8%. De acordo com informações do Radar Industrial da Fiems (Federação das Indústrias do Estado de Mato Grosso do Sul), nos primeiros cinco meses deste ano houve uma diminuição em comparação ao mesmo período do ano passado de R$ 1,43 bilhão para R$ 1,17 bilhão.

O setor responsável por esta queda foi o do “Complexo Frigorífico”, que registrou uma queda de 29, 1% em comparação ao mesmo período do ano de 2014, quando havia comercializado R$ 487,3 milhões caindo para os primeiros cinco meses deste ano para R$ 345,2 milhões. Segundo a pesquisa a queda se deu pela diminuição das compras de importantes mercados como a Rússia, que foi responsável por uma queda de R$ 118,5 milhões de reais.

As perdas do setor são de R$ 160,2 milhões, com a diminuição dos mercados asiáticos como Arábia Saudita e Hong Kong e da América do Sul Chile e Venezuela. De acordo com a pesquisa o mês de maio teve o pior resultado para as exportações com uma queda de 35,7%.

Já o grupo de açucares teve um aumento em sua exportação, com a Rússia como principal comprador do Estado. O aumento foi de 47,4% em relação ao mesmo período do ano passado subindo de US$ 100,9 milhões para US$ 148,7 milhões.

Mas outros grupos como “Óleos Vegetais” e “Couro” tiveram resultados negativos também com quedas respectivas de 39% e 34,95. O faturamento caiu de US$ 119 milhões para US$ 72,7 milhões no segmento “Óleos Vegetais”, e no segmento couro a queda de faturamento atingiu uma diferença de US$ 30,6 milhões. De US$ 87,5 milhões em 2014 para US$ 56,9 milhões.

Jornal Midiamax