Centrais sindicais protestam contra juros altos na frente do BC em SP

Estão sendo esperados mil trabalhadores
| 28/07/2015
- 18:36
Centrais sindicais protestam contra juros altos na frente do BC em SP

Estão sendo esperados mil trabalhadores

Representantes das seis principais centrais sindicais do País realizam contra juros altos em São Paulo, nesta terça-feira (28). A manifestação ocorre na frente da sede regional do Banco Central, na Avenida Paulista, embora a reunião ocorra em Brasília. O ato teve início às 10 horas, com previsão de acabar por volta do meio-dia.

Segundo o secretário-geral da Força Sindical, João Carlos Gonçalves, o Juruna, estão sendo esperados mil trabalhadores. A Polícia Militar não fez contagem do número de participantes. Além de faixas e cartazes, os sindicalistas montaram, em frente da entrada do BC, um pódio com três lugares, onde artistas representando banqueiros e especuladores irão receber medalhas simbólicas de “campeões mundiais de juros altos”.

Além da Força Sindical, participam do ato na capital paulista representantes da Central Única dos Trabalhadores (CUT), União Geral dos Trabalhadores (UGT), Nova Central, Central Geral dos Trabalhadores do Brasil (CGTB) e Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB). A principal reclamação delas é de que os juros altos penalizam a produção e reduzem empregos.

Veja também

Número será apresentado a investidores em leilão nesta quinta-feira (18)

Últimas notícias