Cotidiano / Economia

Azambuja quer levar tecnologia para área degradada em MS e melhorar produtividade

Governador destacou que 80% do hortifruti consumido no Estado são importados

Midiamax Publicado em 07/01/2015, às 14h27

None

Governador destacou que 80% do hortifruti consumido no Estado são importados

Produtor rural, o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) quer melhorar a produtividade em Mato Grosso do Sul com a recuperação de áreas degradadas até com produção de hortifruti que tem cerca de 80% dos produtos importados.

Segundo o governador, o Estado tem nove milhões de hectares de área degradada que podem ser recuperadas com o uso de tecnologia. “Além de não produzirem, essas áreas agridem o meio ambiente”, pontuou.

Para isso, Azambuja planeja trabalhar com duas pastas o Imasul (Instituto de Meio Ambiente do Mato Grosso do Sul) e Fundect (Fundação de Apoio ao Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia do Estado de Mato Grosso do Sul). “A Fundect é fundamental para criar projetos”, ressaltou.

O governador lembrou ainda de produtos agrícolas que são importados como o hortifruti. “80% do hortifruti são importados. É preciso organizar o sistema produtivo nessa enormidade de campo do Estado”, afirmou.

Além disso, Azambuja criticou o fórum criado no ano passado para discutir entre outros assuntos sobre as áreas degradadas que não saiu do papel. Agora ele espera uma atuação do grupo e prometeu participar das reuniões.

Jornal Midiamax