O volume de vendas do comércio varejista sul-mato-grossense subiu 0,9% em abril na comparação com março. As informações foram divulgadas, nesta quinta-feira (13), pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas). 

O índice de receita nominal de vendas no comércio varejista avançou 1,2%. A variação acumulada em 12 meses em comparação com o ano anterior é de alta de 4,3%.

Brasil

O volume de vendas do comércio varejista brasileiro também cresceu 0,9% em abril na comparação com o mês anterior, na série com ajuste sazonal, chegando ao quarto mês seguido de variações positivas.

O setor registrou taxas positivas em todos os meses deste ano e, com esse resultado, atingiu o maior nível da série histórica. Assim, o varejo cresceu 4% no segundo bimestre, o 10º consecutivo com resultados positivos, na comparação com o mesmo bimestre do ano anterior. 

O acumulado no ano chegou a 4,9%, enquanto o acumulado nos últimos 12 meses ficou em 2,7%.

Comércio varejista ampliado

No comércio varejista ampliado, o volume de vendas caiu 1% na série com ajuste sazonal. Essa categoria inclui veículos, motos, partes e peças, material de construção e atacado de produtos alimentícios, bebidas e fumo.

A média móvel trimestral caiu 0,1%. Na série sem ajuste sazonal, o varejo ampliado cresceu 4,9%, acumulando no ano alta de 4,7% ante o mesmo período de 2023 e de 3,3% em 12 meses. 

Na série com ajuste sazonal em abril de 2024, taxas positivas foram observadas em cinco das oito atividades: Equipamentos e material para escritório, informática e comunicação (14,2%), Móveis e eletrodomésticos (2,4%), Combustíveis e lubrificantes (2,2%), Hiper, supermercados, produtos  alimentícios, bebidas e fumo (1,5%) e Artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos e de perfumaria (0,6%).

Fale com o Midiamax

Tem alguma denúncia, flagrante, reclamação ou sugestão de pauta para o Jornal Midiamax? Envie direto para nossos jornalistas pelo WhatsApp (67) 99207-4330. Acima de tudo, com sigilo garantido por lei.

Acompanhe nossas atualizações no Facebook, Instagram e Tiktok.