A segunda edição da Campanha Nome Limpo Estadual começou essa semana e segue até 9 de dezembro com 14 empresas participantes, em Campo Grande e do interior do Estado. Os interessados em renegociar dívidas podem procurar a ACICG (Associação Comercial e Industrial de Campo Grande) ou o atendimento online.

A expectativa da ACICG é negociar R$ 5,5 milhões este ano e atender mais de 1,5 mil pessoas durante mais de 30 dias de campanha. É possível quitar débitos com condições facilitadas de pagamento, como redução de juros e de multas e parcelamento prolongado.

Para atendimento presencial, em Campo Grande, os clientes com contas de água e energia em atraso, poderão negociar diretamente na sede da ACICG, situada na Rua 15 de Novembro, 390, em frente à Praça Ary Coelho.

De 21 a 25 de novembro, a concessionária Águas Guariroba realizará a negociação com seus consumidores. Na semana seguinte, de 28 de novembro a 2 de dezembro, a Energisa estará com atendimento na Associação Comercial.

Os clientes interessados em regularizar pendências financeiras com ambas as empresas deverão comparecer na entidade das 8h às 17h. O atendimento será por ordem de chegada, com distribuição de senhas.

Negociações online

Há também a conciliações online para regularização de dívidas, onde empresas dos setores educacional, financeiro, construção civil, moveleiro e de lazer estão atendendo exclusivamente por meio de audiências virtuais remotas.

São esperadas cerca de 300 audiências online até o encerramento da campanha, segundo a coordenadora da Campanha Nome Limpo, Paola Nogueira.

“Por meio de uma listagem fornecida pelos estabelecimentos, convidamos mais de 3 mil consumidores inadimplentes via e-mail, telefone, whats app e carta para regularizarem suas dívidas. Essas empresas contarão com o apoio de um conciliador capacitado pelo Tribunal de Justiça que irá conduzir as audiências por videoconferência”, explica.

Participam nessa modalidade as empresas: Insted, Sicredi, Sesc, Sicoob, Ecopark e Serrana center, situadas em Campo Grande; Aems, Robemix concreto, Porto de areias e Espaço Vip, localizadas em Três Lagoas; e Lojas Oriente, de Naviraí; e Ruth Store, de Camapuã.

Em 2021, a Campanha Nome Limpo recuperou mais de R$ 3 milhões em Mato Grosso do Sul. Desde sua criação, foram mais de R$ 303 milhões devolvidos para as empresas participantes.