Campo-grandense faz compras de última hora para garantir o Ovo de Páscoa para domingo

Em lojas especializadas em chocolate, clientes esperavam do lado de fora para garantir o ovo de Páscoa.
| 16/04/2022
- 14:21
comércio centro
Imagem ilustratva - (Foto: Leonardo de França/Midiamax)

Deixando para última hora, campo-grandenses enfrentaram filas em lojas para a compra do ovo da , neste sábado (16), no Centro da Capital. Mesmo reclamando do valor alto, clientes não deixaram de seguir tradições de presentear amigos e familiares no Domingo de Páscoa.

Levando presente para os três netos, de cinco anos, Elza Silva, de 48 anos, comerciante, disse que não se importou de encarar as lojas cheias, pois gosta de presentear a família. “Apenas um não come chocolate, mas é um costume meu sempre dar ovo da Páscoa para eles. Reservo um valor todo ano para isso”, disse.

Julia mendes, de 19 anos, foi com a filha as compras, mas apostou nas caixas de bombom e barras de chocolate. “Eu tinha um orçamento curto e não achei que os ovos compensam, estão caros e ela não gostou de nenhum”.

Vandette Macedo, de 52 anos, manicure, deve presentear uma amiga, os dois filhos e um sobrinho, mas se assustou com os preços nas gondolas. “Esse ano está bem mais caro, sai muito mais barato fazer do que comprar”.

Ovos da Páscoa
Gôndolas com ovos da Páscoa. (Foto: de França/Midiamax)

Neste ano, Arlene Galdene, 35 anos, preferiu investir na confeitaria e foi as compras apenas para conferir os preços e comprar pequenos chocolates para colocar de surpresa nos ovos que irá vender. “Percebi que está bem movimentado o comércio. Eu decidi fazer para vender esse ano, será uma oportunidade”, explicou.  

Em várias lojas do Centro de Campo Grande, além das filas de espera, parte das gôndolas já estavam vazias, indicando que a procura foi grande.

Veja também

Táxis vêm sendo ofuscados pelos aplicativos de mobilidade urbana, mas sobrevivem porque muitos motoristas trabalham nas duas frentes

Últimas notícias